O Brasil não é bicolor.

Republimos mapa que foi publicado originalmente no facebook da Guida Dias, trabalho simples e muito esclarecedor,

Eleições 2010 Governador – Resultado Final em cada Estado e Região, 1º e 2º Turnos

REGIÃO NORTE
ELEIÇÕES 2010 ACRE – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 170.202 50,51%    
  165.705 49,18%    
           
ELEIÇÕES 2010 AMAPÁ – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 95.328 28,68%
170.277
53,77%
  93.695 28,19%    
2º Turno 96.165 28,93%
146.383
46,23%
           
ELEIÇÕES 2010 AMAZONAS – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 943.955 63,87%    
  382.935 25,91%    
  138.281 9,36%    
           
ELEIÇÕES 2010 PARÁ – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 1.720.631 48,92%
1.860.799
55,74%
  380.331 10,81%    
2º Turno 1.267.981 36,05%
1.477.609
44,26%
           
ELEIÇÕES 2010 RONDONIA – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 291.765 43,99%
422.707
58,68%
  120.462 18,16%    
2º Turno 246.350 37,14%
297.674
41,32%
           
ELEIÇÕES 2010 RORAIMA – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 99.124 45,03%
107.466
50,41%
  14.063 6,39%    
2º Turno 104.804 47,62%
105.707
49,59%
           
ELEIÇÕES 2010 TOCANTINS – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Siqueira Campos (PSDB) 349.592 50,52%    
  Carlos Gaguim (PMDB) 342.429 49,48%    
           
REGIÃO NORDESTE
ELEIÇÕES 2010 ALAGOAS – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 534.962 39,58%
712.789
52,74%
  389.337 28,81%    
2º Turno 394.155 29,16%
638.762
47,26%
           
ELEIÇÕES 2010 BAHIA – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito Wagner (PT) 4.101.270 63,83%    
  Paulo Souto (DEM) 1.033.600 16,09%    
  Geddel Vieira Lima (PMDB) 1.000.038 15,56%    
  Bassuma (PV) 253.523 3,95%    
           
ELEIÇÕES 2010 CEARÁ – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito Cid Gomes (PSB) 2.436.940 61,27%    
  Marcos Cals (PSDB) 775.852 19,51%    
  Lucio Alcantara (PR) 654.035 16,44%    
           
ELEIÇÕES 2010 MARANHÃO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleita Roseana (PMDB) 1.459.792 50,08%    
  Flávio Dino (PC do B) 859.402 29,49%    
  Jackson Lago (PDT) 569.412 19,54%    
           
ELEIÇÕES 2010 PARAIBA – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 942.121 49,74%
1.079.164
53,70%
  12.471 0,66%    
2º Turno 933.754 49,30%
930.331
46,30%
           
ELEIÇÕES 2010 PERNAMBUCO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito Eduardo Campos (PSB) 3.450.874 82,84%    
  Jarbas (PMDB) 585.724 14,06%    
           
ELEIÇÕES 2010 PIAUÍ – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 725.563 46,37%
921.313
58,93%
  337.028 21,54%    
2º Turno 470.660 30,08%
642.165
41,07%
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO NORTE – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleita Rosalba Ciarlini (DEM) 813.813 52,46%    
  Ibere (PSB) 562.256 36,25%    
  Carlos Eduardo (PDT) 160.828 10,37%    
           
ELEIÇÕES 2010 SERGIPE – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito Deda (PT) 537.223 52,08%    
  João Alves (DEM) 466.219 45,19%    
           
REGIÃO CENTRO OESTE
ELEIÇÕES 2010 DISTRITO FEDERAL – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 676.394 48,41%
875.612
66,10%
  199.095 14,25%    
2º Turno 440.128 31,50%
449.110
33,90%
           
ELEIÇÕES 2010 GOIAS – GOVERNADOR
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleito 1.400.227 46,33%
1.551.132
52,99%
  502.462 16,62%    
2º Turno 1.099.552 36,38%
1.376.188
47,01%
           
ELEIÇÕES 2010 MATO GROSSO – GOVERNADOR    
  Nome (partido) votos %    
Eleito Silval Barbosa (PMDB) 759.805 51,21%    
  Mauro Mendes (PSB) 472.475 31,85%    
  Wilson Santos (PSDB) 245.527 16,55%    
           
ELEIÇÕES 2010 M GROSSO DO SUL 1º TURNO – GOVERNADOR    
  Nome (partido) votos %    
Reeleito Andre Puccinelli (PMDB) 704.407 56%    
  Zeca do Pt (PT) 534.601 42,50%    
           
REGIÃO SUDESTE
ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Renato Casagrande (PSB) 1.502.070 82,30%    
  Luiz Paulo (PSDB) 282.910 15,50%    
           
ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Antonio Anastasia (PSDB) 6.275.520 62,72%    
  Helio Costa (PMDB) 3.419.622 34,18%    
  Zé Fernando Aparecido (PV) 234.125 2,34%    
 
 
       
ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito Sergio Cabral (PMDB) 5.217.972 66,08%    
  Gabeira (PV) 1.632.671 20,68%    
  Fernando Peregrino (PR) 853.220 10,81%    
           
ELEIÇÕES 2010 SÃO PAULO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Geraldo Alckmin (PSDB) 11.519.314 50,63%    
  Aloizio Mercadante (PT) 8.016.866 35,23%    
  Celso Russomanno (PP) 1.233.897 5,42%    
  Skaf (PSB) 1.038.430 4,56%    
  Fabio Feldmann (PV) 940.379 4,13%    
           
REGIÃO SUL
ELEIÇÕES 2010 PARANÁ – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Beto Richa (PSDB) 3.039.774 52,44%    
  Osmar Dias (PDT) 2.645.341 45,63%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Tarso Genro (PT) 3.416.460 54,35%    
  Fogaça (PMDB) 1.554.836 24,74%    
  Yeda Crusius (PSDB) 1.156.386 18,40%    
           
ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito Raimundo Colombo (DEM) 1.815.304 52,72%    
  Angela Amin (PP) 857.698 24,91%    
  Ideli Salvatti (PT) 754.223 21,90%    

Eleições 2010 Santa Catarina – resultado final, os eleitos.

ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – PRESIDENTE DA REPÚBLICA
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos        %
Eleita 1.402.566 38,71%
1.556.226
   43,39%
2º Turno 1.658.161 45,77%
2.030.135
   56,61%
  507.017 13,99%    
           
ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – SENADORES    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 1.784.019 28,44%    
Eleito 1.588.403 25,32%    
  1.219.700 19,44%    
  649.150 10,35%    
  563.173 8,98%    
  321.714 5,13%    
  113.841 1,81%    
           
ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – DEPUTADOS FEDERAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 186.733 5,59%    
2 166.524 4,99%    
3 143.976 4,31%    
4 134.558 4,03%    
5 119.757 3,59%    
6 117.618 3,52%    
7 114.985 3,44%    
8 110.170 3,30%    
9 103.965 3,11%    
10 100.839 3,02%    
11 99.613 2,98%    
12 93.455 2,80%    
13 90.691 2,72%    
14 87.219 2,61%    
15 84.210 2,52%    
16 65.545 1,96%    
           
ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 1.815.304 52,72%    
  857.698 24,91%    
  754.223 21,90%    
           
ELEIÇÕES 2010 SANTA CATARINA – DEPUTADOS ESTADUAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 65.551 1,86%    
2 63.723 1,81%    
3 62.465 1,77%    
4 59.789 1,70%    
5 57.684 1,64%    
6 55.692 1,58%    
7 55.644 1,58%    
8 55.531 1,58%    
9 54.697 1,55%    
10 50.395 1,43%    
11 49.624 1,41%    
12 49.390 1,40%    
13 49.072 1,39%    
14 49.043 1,39%    
15 47.442 1,35%    
16 46.911 1,33%    
17 42.807 1,21%    
18 42.143 1,20%    
19 41.946 1,19%    
20 41.906 1,19%    
21 40.241 1,14%    
22 38.939 1,10%    
23 38.542 1,09%    
24 38.370 1,09%    
25 37.745 1,07%    
26 36.449 1,03%    
27 36.430 1,03%    
28 36.064 1,02%    
29 35.732 1,01%    
30 35.434 1,01%    
31 34.667 0,98%    
32 34.596 0,98%    
33 33.129 0,94%    
34 32.828 0,93%    
35 32.555 0,92%    
36 30.670 0,87%    
37 30.223 0,86%    
38 29.494 0,84%    
39 25.814 0,73%    
40 24.202 0,69%    

Eleições 2010 Rio Grande do Sul – resultado final, os eleitos.

ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – PRESIDENTE DA REPÚBLICA
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos        %
Eleita 3.007.263 46,95%
3.117.761
  49,06%
2º Turno 2.600.389 40,59%
3.237.207
   50,94%
  725.580 11,33%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – SENADORES    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito 3.895.822 33,83%    
Eleita 3.401.241 29,54%    
  2.445.881 21,24%    
  1.551.151 13,47%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – DEPUTADOS FEDERAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 482.590 8,06%    
2 200.476 3,35%    
3 180.403 3,01%    
4 173.787 2,90%    
5 153.072 2,56%    
6 131.510 2,20%    
7 130.669 2,18%    
8 125.051 2,09%    
9 122.134 2,04%    
10 120.707 2,02%    
11 112.214 1,87%    
12 111.373 1,86%    
13 110.788 1,85%    
14 109.775 1,83%    
15 104.175 1,74%    
16 100.553 1,68%    
17 100.082 1,67%    
18 98.419 1,64%    
19 97.752 1,63%    
20 92.394 1,54%    
21 92.116 1,54%    
22 90.096 1,50%    
23 87.103 1,45%    
24 85.832 1,43%    
25 85.094 1,42%    
26 84.696 1,41%    
27 81.071 1,35%    
28 76.818 1,28%    
29 47.141 0,79%    
30 41.401 0,69%    
31 28.236 0,47%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 3.416.460 54,35%    
  1.554.836 24,74%    
  1.156.386 18,40%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO GRANDE DO SUL – DEPUTADOS ESTADUAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 85.604 1,38%    
2 82.269 1,32%    
3 72.910 1,17%    
4 69.233 1,11%    
5 69.043 1,11%    
6 67.397 1,08%    
7 66.591 1,07%    
8 65.430 1,05%    
9 64.375 1,03%    
10 64.163 1,03%    
11 63.932 1,03%    
12 63.919 1,03%    
13 61.305 0,98%    
14 59.466 0,96%    
15 59.144 0,95%    
16 57.936 0,93%    
17 55.276 0,89%    
18 53.050 0,85%    
19 49.510 0,80%    
20 48.422 0,78%    
21 48.070 0,77%    
22 47.758 0,77%    
23 46.828 0,75%    
24 46.541 0,75%    
25 46.537 0,75%    
26 46.363 0,74%    
27 46.252 0,74%    
28 45.631 0,73%    
29 45.450 0,73%    
30 44.798 0,72%    
31 43.860 0,70%    
32 43.484 0,70%    
33 43.266 0,70%    
34 43.120 0,69%    
35 43.012 0,69%    
36 42.220 0,68%    
37 38.958 0,63%    
38 38.740 0,62%    
39 38.525 0,62%    
40 38.268 0,61%    
41 37.971 0,61%    
42 37.483 0,60%    
43 36.751 0,59%    
44 36.611 0,59%    
45 36.071 0,58%    
46 35.477 0,57%    
47 35.457 0,57%    
48 35.029 0,56%    
49 34.791 0,56%    
50 34.676 0,56%    
51 33.474 0,54%    
52 32.535 0,52%    
53 32.458 0,52%    
54 32.035 0,51%    
55 30.817 0,50%    

Continue lendo

Eleições 2010 Rio de Janeiro – Resultado geral final, os eleitos.

ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – PRESIDENTE DA REPÚBLICA
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos    %
Eleita 3.739.632 43,76% 4.934.077    60,48%
  2.693.130 31,52%    
2º Turno 1.925.166 22,53% 3.223.891    39,52%
           
ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – SENADORES    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 4.213.749 28,65%    
Reeleito 3.332.886 22,66%    
  3.048.034 20,73%    
  1.627.050 11,06%    
  1.295.946 8,81%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – DEPUTADOS FEDERAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 694.862 8,69%    
2 240.724 3,01%    
3 165.630 2,07%    
4 157.580 1,97%    
5 150.616 1,88%    
6 146.859 1,84%    
7 146.260 1,83%    
8 142.714 1,78%    
9 138.811 1,74%    
10 129.515 1,62%    
11 120.646 1,51%    
12 105.406 1,32%    
13 99.457 1,24%    
14 98.280 1,23%    
15 98.164 1,23%    
16 95.412 1,19%    
17 86.162 1,08%    
18 85.660 1,07%    
19 85.358 1,07%    
20 84.452 1,06%    
21 84.006 1,05%    
22 82.832 1,04%    
23 80.862 1,01%    
24 77.800 0,97%    
25 74.312 0,93%    
26 73.185 0,91%    
27 72.824 0,91%    
28 72.822 0,91%    
29 72.589 0,91%    
30 71.036 0,89%    
31 65.826 0,82%    
32 63.119 0,79%    
33 57.549 0,72%    
34 57.018 0,71%    
35 52.123 0,65%    
36 51.933 0,65%    
37 51.203 0,64%    
38 51.011 0,64%    
39 44.355 0,55%    
40 44.236 0,55%    
41 41.480 0,52%    
42 33.856 0,42%    
43 29.248 0,37%    
44 29.009 0,36%    
45 22.619 0,28%    
46 13.018 0,16%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Reeleito 5.217.972 66,08%    
  1.632.671 20,68%    
  853.220 10,81%    
           
ELEIÇÕES 2010 RIO DE JANEIRO – DEPUTADOS ESTADUAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 528.628 6,38%    
2 177.253 2,14%    
3 134.515 1,62%    
4 121.684 1,47%    
5 118.863 1,43%    
6 112.676 1,36%    
7 111.407 1,34%    
8 96.034 1,16%    
9 91.774 1,11%    
10 89.553 1,08%    
11 87.210 1,05%    
12 83.254 1%    
13 77.061 0,93%    
14 75.707 0,91%    
15 74.336 0,90%    
16 69.571 0,84%    
17 67.035 0,81%    
18 62.599 0,76%    
19 62.522 0,75%    
20 61.294 0,74%    
21 59.220 0,71%    
22 58.322 0,70%    
23 55.831 0,67%    
24 55.484 0,67%    
25 0,66% 55.027    
26 52.525 0,63%    
27 52.099 0,63%    
28 49.839 0,60%    
29 47.939 0,58%    
30 45.541 0,55%    
31 45.046 0,54%    
32 44.549 0,54%    
33 44.135 0,53%    
34 44.015 0,53%    
35 43.607 0,53%    
36 43.215 0,52%    
37 42.398 0,51%    
38 39.740 0,48%    
39 39.730 0,48%    
40 39.537 0,48    
41 39.023 0,47%    
42 38.856 0,47%    
43 38.791 0,47%    
44 38.746 0,47%    
45 37.742 0,46%    
46 36.519 0,44%    
47 35.508 0,43%    
48 35.176 0,42%    
49 35.069 0,42%    
50 34.820 0,42%    
51 34.733 0,42%    
52 34.502 0,42%    
53 33.664 0,41%    
54 33.203 0,40%    
55 32.855 0,40%    
56 32.563 0,39%    
57 32.369 0,39%    
58 31.249 0,38%    
59 30.583 0,37%    
60 28.798 0,35%    
61 28.798 0,35%    
62 28.328 0,34%    
63 26.002 0,31%    
64 22.169 0,27%    
65 21.987 0,27%    
66 21.033 0,25%    
67 19.329 0,23%    
68 16.151 0,19%    
69 10.586 0,13%    
70 6.442 0,08%    

Eleições 2010 Espirito Santo, resultado final, os eleitos.

ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – PRESIDENTE DA REPÚBLICA
    1º TURNO         2º TURNO
clas nome (partido) votos %    votos   %
Eleita Dilma (PT)
717.417
37,25%
924.046
  49,17%
2º Turno José Serra (PSDB)
682.590
35,44%
955.423
  50,83%
  Marina Silva (PV)
505.734
26,26%    
           
ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – SENADORES    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 1.557.409 44,55%    
Reeleito 1.285.177 36,76%    
  375.510 10,74%    
  277.973 7,95%    
           
ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – DEPUTADOS FEDERAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 161.856 8,58%    
2 141.578 7,51%    
3 105.458 5,59%    
4 99.312 5,26%    
5 96.454 5,11%    
6 80.728 4,28%    
7 74.534 3,95%    
8 69.818 3,70%    
9 67.262 3,57%    
10 60.700 3,22%    
           
ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 1.502.070 82,30%    
  282.910 15,50%    
           
ELEIÇÕES 2010 ESPIRITO SANTO – DEPUTADOS ESTADUAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 65.049 3,46%    
2 53.096 2,83%    
3 38.548 2,05%    
4 33.374 1,78%    
5 31.083 1,66%    
6 29.089 1,55%    
7 28.536 1,52%    
8 27.104 1,44%    
9 25.976 1,38%    
10 24.711 1,32%    
11 23.820 1,27%    
12 23.801 1,27%    
13 23.749 1,26%    
14 23.626 1,26%    
15 23.241 1,24%    
16 23.040 1,23%    
17 22.353 1,19%    
18 22.143 1,18%    
19 21.873 1,16%    
20 21.146 1,13%    
21 20.417 1,09%    
22 20.044 1,07%    
23 19.085 1,02%    
24 18.841 1%    
25 17.878 0,95%    
26 17.548 0,93%    
27 17.418 0,93%    
28 17.062 0,91%    
29 13.502 0,72%    
30 13.282 0,71%    

Eleições 2010 Minas Gerais, resultado final, os eleitos.

ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – PRESIDENTE DA REPÚBLICA
    1º TURNO 2º TURNO
clas nome (partido) votos % votos %
Eleita 5.067.399 46,98% 6.220.125 58,45%
2º Turno 3.317.872 30,76% 4.422.294 41,55%
  2.291.502 21,25%    
           
ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – SENADORES    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 7.565.377 39,47%    
Eleito 5.125.455 26,74%    
  4.595.351 23,98%    
  1.486.787 7,76%    
  274.215 1,43%    
           
ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – DEPUTADOS FEDERAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 271.306 2,64%    
2 243.884 2,37%    
3 234.397 2,28%    
4 208.058 2,02%    
5 199.418 1,94%    
6 192.657 1,87%    
7 180.117 1,75%    
8 179.649 1,75%    
9 176.241 1,71%    
10 165.644 1,61%    
11 161.892 1,57%    
12 146.061 1,42%    
13 143.113 1,39%    
14 141.737 1,38%    
15 137.680 1,34%    
16 137.120 1,33%    
17 128.304 1,25%    
18 124.551 1,21%    
19 123.649 1,20%    
20 120.769 1,17%    
21 119.029 1,16%    
22 117.722 1,14%    
23 117.230 1,14%    
24 113.388 1,10%    
25 111.651 1,09%    
26 110.570 1,08%    
27 109.045 1,06%    
28 106.192 1,03%    
29 105.977 1,03%    
30 105.422 1,03%    
31 105.413 1,03%    
32 102.573 1%    
33 101.639 0,99%    
34 101.090 0,98%    
35 100.811 0,98%    
36 100.325 0,98%    
37 96.309 0,94%    
38 94.077 0,91%    
39 93.035 0,90%    
40 92.282 0,90%    
41 90.907 0,88%    
42 90.097 0,88%    
43 90.073 0,88%    
44 88.344 0,86%    
45 87.826 0,85%    
46 86.192 0,84%    
47 85.891 0,84%    
48 81.129 0,79%    
49 72.967 0,71%    
50 70.945 0,69%    
51 58.677 0,57%    
52 51.824 0,50%    
53 40.093 0,39%    
           
ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – GOVERNADOR    
clas nome (partido) votos %    
Eleito 6.275.520 62,72%    
  3.419.622 34,18%    
  234.125 2,34%    
           
ELEIÇÕES 2010 MINAS GERAIS – DEPUTADOS ESTADUAIS    
clas nome (partido) votos %    
1 159.422 1,54%    
2 153.225 1,48%    
3 106.519 1,03%    
4 105.859 1,02%    
5 103.677 1%    
6 102.530 0,99%    
7 95.450 0,92%    
8 94.312 0,91%    
9 93.656 0,90%    
10 93.622 0,90%    
11 92.710 0,89%    
12 92.027 0,89%    
13 90.538 0,87%    
14 89.811 0,87%    
15 88.963 0,86%    
16 85.973 0,83%    
17 85.504 0,83%    
18 84.316 0,81%    
19 82.864 0,80%    
20 81.159 0,78%    
21 80.419 0,78%    
22 79.705 0,77%    
23 78.302 0,76%    
24 77.846 0,75%    
25 77.740 0,75%    
26 74.542 0,72%    
27 72.336 0,70%    
28 71.568 0,69%    
29 70.106 0,68%    
30 68.709 0,66%    
31 68.437 0,66%    
32 68.323 0,66%    
33 68.254 0,66%    
34 67.559 0,65%    
35 64.929 0,63%    
36 63.662 0,61%    
37 62.810 0,61%    
38 62.582 0,60%    
39 59.739 0,58%    
40 57.691 0,56%    
41 56.956 0,55%    
42 56.945 0,55%    
43 56.898 0,55%    
44 56.263 0,54%    
45 55.398 0,53%    
46 54.594 0,53%    
47 53.629 0,52%    
48 52.994 0,51%    
49 50.966 0,49%    
50 50.620 0,49%    
51 50.221 0,48%    
52 50.114 0,48%    
53 49.619 0,48%    
54 49.248 0,48%    
55 49.133 0,47%    
56 46.818 0,45%    
57 45.939 0,44%    
58 45.415 0,44%    
59 45.373 0,44%    
60 45.324 0,44%    
61 44.704 0,43%    
62 43.810 0,42%    
63 43.376 0,42%    
64 41.727 0,40%    
65 41.265 0,40%    
66 40.562 0,39%    
67 40.521 0,39%    
68 40.426 0,39%    
69 38.419 0,37%    
70 38.109 0,37%    
71 37.885 0,37%    
72 37.442 0,36%    
73 36.527 0,35%    
74 36.067 0,35%    
75 35.983 0,35%    
76 31.455 0,30%    
77 31.182 0,30%    

Petistas festejam nas ruas e Dilma propõe trabalho e união pelo país.

 do Brasília Confidencial

petistas festa      A eleição de Dilma foi comemorada nas ruas do Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília e outras cidades. Com 100% dos votos apurados Dilma(56,05%) obteve 55.752.529 votos contra Serra (43,95%) com 43.711.388 votos. Eleita com uma dieferença de 12.041.141 votos (12,10%).

      Na capital federal, eleitores de Dilma e também do governador eleito, o petista Agnelo Queiroz, tomaram a Esplanada dos Ministérios com bandeiras, camisas vermelhas, adesivos, bonecos gigantes e um trio elétrico.

    Em São Paulo, centenas de militantes ocuparam uma quadra da Avenida Paulista e se reuniram em torno de um palco onde aconteciam shows de cantores e discursos de líderes do PT.

    No Rio a festa foi concentrada na orla de Copacabana, zona sul da cidade, onde centenas de militantes com bandeiras e cartazes cantaram e pararam o trânsito.

Dilma propõe trabalho e união pelo país

discurso   

 “Passada a eleição, é hora de trabalho; passado o debate de projetos, é hora de união”, conclamou ontem a presidente eleita, Dilma Rousseff, num discurso de 25 minutos com que celebrou sua vitória. Dilma propôs união pela educação, pelo desenvolvimento e pelo país, estendeu a mão para as oposições e reafirmou todos os principais compromissos que assumiu durante a campanha. Leia, a seguir, os principais trechos do discurso da vitória. 

  • Mulheres

    “Recebi hoje de milhões de brasileiras e brasileiros a missão mais importante de minha vida. Este fato, para além de minha pessoa, é uma demonstração do avanço democrático do nosso país: pela primeira vez uma mulher presidirá o Brasil. Já registro portanto aqui meu primeiro compromisso após a eleição: honrar as mulheres brasileiras, para que este fato, até hoje inédito, se transforme num evento natural. E que ele possa se repetir e se ampliar nas empresas, nas instituições civis, nas entidades representativas de toda nossa sociedade. A igualdade de oportunidades para homens e mulheres é um principio essencial da democracia. Gostaria muito que os pais e mães de meninas olhassem hoje nos olhos delas, e lhes dissessem: SIM, a mulher pode!”

  • Democracia

   “Registro aqui outro compromisso com meu país: valorizar a democracia em toda sua dimensão, desde o direito de opinião e expressão até os direitos essenciais da alimentação, do emprego e da renda, da moradia digna e da paz social. Zelarei pela mais ampla e irrestrita liberdade de imprensa. Zelarei pela mais ampla liberdade religiosa e de culto. Zelarei pela observação criteriosa e permanente dos direitos humanos tão claramente consagrados em nossa constituição. Zelarei, enfim, pela nossa Constituição, dever maior da presidência da República.”

  • Combate à miséria

    “Reforço aqui meu compromisso fundamental: a erradicação da miséria e a criação de oportunidades para todos os brasileiros e brasileiras. Ressalto, entretanto, que esta ambiciosa meta não será realizada pela vontade do governo. Ela é um chamado à nação, aos empresários, às igrejas, às entidades civis, às universidades, à imprensa, aos governadores, aos prefeitos e a todas as pessoas de bem. Não podemos descansar enquanto houver brasileiros com fome, enquanto houver famílias morando nas ruas, enquanto crianças pobres estiverem abandonadas à própria sorte. A erradicação da miséria nos próximos anos é, assim, uma meta que assumo, mas para a qual peço humildemente o apoio de todos que possam ajudar o país no trabalho de superar esse abismo que ainda nos separa de ser uma nação desenvolvida.”

  • Estabilidade na economia

   “Cuidaremos de nossa economia com toda responsabilidade. O povo brasileiro não aceita mais a inflação como solução irresponsável para eventuais desequilíbrios. O povo brasileiro não aceita que governos gastem acima do que seja sustentável. Por isso, faremos todos os esforços pela melhoria da qualidade do gasto público, pela simplificação e atenuação da tributação e pela qualificação dos serviços públicos. Mas recusamos as visões de ajustes que recaem sobre os programas sociais, os serviços essenciais à população e os necessários investimentos.”

    “Quero reafirmar nosso compromisso com a estabilidade da economia e das regras econômicas, dos contratos firmados e das conquistas estabelecidas.”

  • Desenvolvimento

    “Buscaremos o desenvolvimento de longo prazo, a taxas elevadas, social e ambientalmente sustentáveis. Para isso zelaremos pela poupança pública. Zelaremos pela meritocracia no funcionalismo e pela excelência do serviço público. Zelarei pelo aperfeiçoamento de todos os mecanismos que liberem a capacidade empreendedora de nosso empresariado e de nosso povo. Valorizarei o Micro Empreendedor Individual, para formalizar milhões de negócios individuais ou familiares, ampliarei os limites do Supersimples e construirei modernos mecanismos de aperfeiçoamento econômico.”

  • Fundo Social

    “Trabalharei no Congresso pela aprovação do Fundo Social do Pré-Sal. Por meio dele queremos realizar muitos de nossos objetivos sociais. Recusaremos o gasto efêmero que deixa para as futuras gerações apenas as dívidas e a desesperança. O Fundo Social é mecanismo de poupança de longo prazo, para apoiar as atuais e futuras gerações. Ele é o mais importante fruto do novo modelo que propusemos para a exploração do pré-sal, que reserva à Nação e ao povo a parcela mais importante dessas riquezas. Definitivamente, não alienaremos nossas riquezas para deixar ao povo só migalhas.”

  • Educação, Saúde e Segurança

    “Me comprometi nesta campanha com a qualificação da Educação e dos Serviços de Saúde. Me comprometi também com a melhoria da segurança pública. Com o combate às drogas que infelicitam nossas famílias. Reafirmo aqui estes compromissos. Nomearei ministros e equipes de primeira qualidade para realizar esses objetivos. Mas acompanharei pessoalmente estas áreas capitais para o desenvolvimento de nosso povo.

    “Todos os compromissos que assumi, perseguirei de forma dedicada e carinhosa. Disse na campanha que os mais necessitados, as crianças, os jovens, as pessoas com deficiência, o trabalhador desempregado, o idoso teriam toda minha atenção. Reafirmo aqui este compromisso.”

  • Coalizão

    “Fui eleita com uma coligação de dez partidos e com apoio de lideranças de vários outros partidos. Vou com eles construir um governo onde a capacidade profissional, a liderança e a disposição de servir ao país será o critério fundamental. Vou valorizar os quadros profissionais da administração pública, independente de filiação partidária.”

  • Mão estendida

    “Dirijo-me também aos partidos de oposição e aos setores da sociedade que não estiveram conosco nesta caminhada. Estendo minha mão a eles. De minha parte não haverá discriminação, privilégios ou compadrio. A partir de minha posse, serei presidenta de todos os brasileiros e brasileiras, respeitando as diferenças de opinião, de crença e de orientação política.

  • Combate ao malfeito

    “Afirmo com clareza que valorizarei a transparência na administração pública. Não haverá compromisso com o erro, o desvio e o malfeito. Serei rígida na defesa do interesse público em todos os níveis de meu governo. Os órgãos de controle e de fiscalização trabalharão com meu respaldo, sem jamais perseguir adversários ou proteger amigos.” 

  • Liberdade de imprensa

    “Não nego a vocês que, por vezes, algumas das coisas difundidas me deixaram triste. Mas quem, como eu, lutou pela democracia e pelo direito de livre opinião arriscando a vida; quem, como eu e tantos outros que não estão mais entre nós, dedicamos toda nossa juventude ao direito de expressão, nós somos naturalmente amantes da liberdade. Por isso, não carregarei nenhum ressentimento. Disse e repito que prefiro o barulho da imprensa livre ao silencio das ditaduras.”

  • Gratidão a Lula

    “Agradeço muito especialmente ao presidente Lula. Ter a honra de seu apoio, ter o privilégio de sua convivência, ter aprendido com sua imensa sabedoria, são coisas que se guarda para a vida toda. Conviver durante todos estes anos com ele me deu a exata dimensão do governante justo e do líder apaixonado por seu país e por sua gente. A alegria que sinto pela minha vitória se mistura com a emoção da sua despedida. Sei que um líder como Lula nunca estará longe de seu povo e de cada um de nós. Baterei muito a sua porta e, tenho certeza, que a encontrarei sempre aberta. Sei que a distância de um cargo nada significa para um homem de tamanha grandeza e generosidade. A tarefa de sucedê-lo é difícil e desafiadora. Mas saberei honrar seu legado. Saberei consolidar e avançar sua obra.”

  • Trabalho e união

    “Passada a eleição agora é hora de trabalho. Passado o debate de projetos agora é hora de união. União pela educação, união pelo desenvolvimento, união pelo país. Junto comigo foram eleitos novos governadores, deputados, senadores. Ao parabenizá-los, convido a todos, independente de cor partidária, para uma ação determinada pelo futuro de nosso país. Sempre com a convicção de que a Nação Brasileira será exatamente do tamanho daquilo que, juntos, fizermos por ela.”

Dilma venceu em 18 estados, mas votação de Marina salvou para Serra o segundo turno

Brasília Confidencial

eleições presid 1º turno    A maioria do eleitorado nacional adiou para o dia 31, em segundo turno de votação, a eleição de quem sucederá o presidente Lula. Vai escolher entre a petista Dilma Rousseff e o candidato das oposições ao Governo Lula, José Serra (PSDB), os mais votados no primeiro turno realizado ontem. Dilma venceu a primeira rodada. Mais de 47 milhões de eleitores votaram nela, somando aproximadamente 47% dos votos válidos. Serra recebeu mais de 33 milhões. Marina Silva chegou em terceiro lugar com quase 20 milhões de votos.

    Em 18 estados, incluídos todos os sete das regiões Sul e Sudeste, os governadores foram eleitos ou reeleitos já em primeiro turno. No Sul, os gaúchos elegeram o petista Tarso Genro; os catarinenses escolheram Raimundo Colombo, do DEM, e os paranaenses preferiram Beto Richa, do PSDB. No Sudeste, os tucanos mantiveram os governos de São Paulo e de Minas Gerais, respectivamente com a eleição de Geraldo Alckmin e a reeleição de Antonio Anastasia. No Espírito Santo foi eleito Renato Casagrande (PSB). Do mesmo partido dele foram reeleitos, na Região Nordeste, os governadores do Ceará, Cid Gomes, e de Pernambuco, Eduardo Campos, proporcionalmente o campeão de votos entre os governantes estaduais eleitos e reeleitos neste domingo. Ainda no Nordeste, também foram reeleitos os petistas Jaques Wagner, na Bahia, e Marcelo Déda, em Sergipe.

    Serão escolhidos em segundo turno os governadores do Distrito Federal e de oito estados do Nordeste, do Norte e do Centro Oeste.

    Outra votação, para o Senado, foi dominada pelo PMDB e o PT. Das 54 cadeiras disputadas, representantes dos dois partidos conquistaram 28 e as outras ficaram com representantes de diversas agremiações. A bancada do PSDB no Senado será fortalecida especialmente pelo ex-governador mineiro Aécio Neves, mas perdeu dois dos atuais expoentes – Tasso Jereissati, do Ceará, e Artur Virgílio, do Amazonas, que não foram reeleitos. Já a bancada do DEM ficará sem Marco Maciel, preterido pelo eleitorado de Pernambuco.  Pela primeira vez em 44 anos, ele deverá ficar sem cargo político.

A votação para a Presidência (99,99% dos votos apurados)

Dilma (PT)               47.644.828              46,90%

Serra (PSDB)           33.129.040              32,61%

Marina (PV)             19.635.802              19,33%

Plínio (PSol)                  886.795                 0,87%

Eymael (PSDC)               89.345                  0.09%

Zé Maria (PSTU)             84.606                 0,08%

Levy Fidélix (PRTB)       57.954                 0,06%

Ivan Pinheiro (PCB)        39.130                0,04%

Rui Pimenta (PCO)           12.206                0,01%

Votos válidos          101.579.706          91,36%

Votos nulos                 6.123.303               5,51%

Votos em branco         3.479.162             3,13%

Abstenção                 24.604.096              18,12%

%d blogueiros gostam disto: