Chuvas em Santa Catarina e resultado do Enem foram pauta da reunião de coordenação

O resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e a agilização da transferência de recursos para o estado de Santa Catarina, castigado por fortes chuvas nos últimos dias, foram os temas centrais da reunião de coordenação realizada na manhã desta segunda-feira (12/9) no Palácio do Planalto. Após o encontro, em que participaram a presidenta Dilma Rousseff, ministros e líderes do governo no Congresso Nacional, o deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) conversou com a imprensa.

Vaccarezza informou que o resultado do Enem foi muito positivo, o que demonstra que houve uma melhora significativa do ensino em todo o país. Ele destacou ainda a queda da diferença entre as notas dos alunos das escolas públicas e os das escolas particulares.

“A meta do governo é crescer 100 pontos em dez anos, e nós alcançamos 10 pontos nessa avaliação última do Enem, então está dentro da meta (…). Não é uma euforia, pois nós ainda temos muito o que andar, mas nós estamos dando os passos na medida certa.”

Sobre a situação de Santa Catarina, afetada por chuvas e enchentes que vitimaram, segundo dados da Defesa Civil, três pessoas até esta manhã e deixaram milhares de desabrigados, o líder disse que o governo está empenhado em agilizar a transferência de recursos para o estado. Ele informou que parte do dinheiro previsto já foi repassada aos municípios afetados e que o governo federal montou uma equipe no estado para agilizar tanto as ações do Exército, quanto o repasse de verbas.

“Todos estamos envolvidos diretamente na solução dos problemas da chuva em Santa Catarina. Houve um avanço muito grande nas ações deste ano, em relação ao ano passado”, afirmou.

O novo líder do governo no Congresso Nacional, senador José Pimentel (PT-CE), participou da reunião de coordenação e recebeu as boas-vindas, segundo Cândido Vaccarezza. O senador Pimentel assume o lugar deixado por Mendes Ribeiro (PMDB-RS), que foi nomeado ministro da Agricultura.

Pontalinda – SP: Rodovia Elyeser Montenegro Magalhães interrompida na ponte sobre o Rio S. J. dos Dourados

Do blog do cardosinho vem a informação de que MAIS UMA VEZ a rodovia está interditada. Importante ligação para a Região Noroeste Paulista, entre Jales e Auriflama/Araçatuba a interdição é um exemplo da política de interiorização do desemvolvimento do Governo do Estado de São Paulo. Tambem na região Noroeste, distante 500 Km da capital paulista, qualquer chuvinha um pouco mais forte inunda pistas e transtorna a vida dos motoristas paulistas.

Mas, se nem da calha do Rio Tietê, o governo de estado tucano cuida, na capital… iria cuidar da calha do Rio São José dos Dourados, em Pontalinda?

 

PONTE DO RIO SÃO JOSÉ DOS DOURADOS INTERDITADA

Postado por cardosinho em Geral

E o jornalista Paulo Aruca me passou uma informação agora a noite, via MSN.

Segundo o Paulo, que deve ter viajado prá Araçatuba, a passagem sobre a ponte do rio São José dos Dourados, na rodovia Elyeser de Montenegro Magalhães, está interrompida desde a manhã deste domingo.

O nível da água está 1,5 m acima do leito da pista

%d blogueiros gostam disto: