Portal do Ig publica informação incorreta sobre eleições internas do PT

logo_ae_bigA coluna Poder Online, editada por Clarissa Oliveira, Juliana Granjela e Marcel Frota, publicou nesta terça-feira 26 de fevereiro uma informação incorreta acerca das eleições internas que o PT realizará em novembro deste ano.


Segundo a coluna do Ig, as “Correntes do PT avançam na negociação de candidatura contra Rui Falcão”.

O texto fala o seguinte: Avançou no PT a negociação para a formação de uma candidatura para disputar a presidência do partido, contra o atual detentor do cargo, Rui Falcão. As correntes Mensagem ao Partido e Articulação de Esquerda já conseguiram abrir um diálogo com o grupo Movimento PT para tentar uma união para a eleição interna marcada para novembro. Por enquanto, petistas ainda enxergam uma chance reduzida de o Movimento PT aderir à chapa. Se isso ocorrer, o nome escolhido para enfrentar Falcão teria uma candidatura muito mais competitiva. Até a semana passada, falava-se principalmente nos nomes do deputado Paulo Teixeira e do ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra para encabeçar a chapa. Nesta semana, começou a circular também o nome de Raul Pont (PT-RS).

O mesmo texto traz um link para outra matéria, que afirma o seguinte: Um grupo de petistas começou a articular nos bastidores a formação de uma chapa que reúna várias correntes em torno de uma candidatura única para rivalizar com o atual presidente Rui Falcão. Com o apoio do ex-presidente Lula e da ala majoritária do PT, Falcão disputará mais um mandato na presidência do PT na eleição interna marcada para novembro. A corrente Mensagem ao Partido vem tratando do assunto silenciosamente com a Articulação de Esquerda. A primeira é capitaneada pelo governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro. A segunda é um dos mais tradicionais grupos da chamada “esquerda petista” e, nas últimas eleições internas, teve como candidato o ex-secretário da sigla Valter Pomar.  A Mensagem cita dois possíveis nomes para encabeçar a chapa – o deputado Paulo Teixeira e o ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra. Juntas, as duas correntes dificilmente teriam força para rivalizar com Falcão. Mas os mais ambiciosos falam em tentar atrair também o grupo Movimento PT, integrado por nomes como o ex-presidente da Câmara Arlindo Chinaglia e a ministra Maria do Rosário. Aliados estimam que o atual presidente do PT tenha algo em torno de 60% dos votos no diretório nacional petista. Estão com o deputado os grupos Construindo um Novo Brasil, PT de Luta e de Massa e Novo Rumo para o PT.

Um terceiro link afirma que a corrente petista Mensagem ao Partido marcou para o próximo dia 22 de março uma reunião na qual vai definir se lançará um candidato à presidência do partido na eleição interna marcada para novembro. A corrente fundada pelo hoje governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, tem dois possíveis nomes para a disputa: o deputado Paulo Teixeira (SP) e o ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra. Se optar pela candidatura, o grupo vai se contrapor ao atual presidente Rui Falcão, que disputa a reeleição para a vaga com aval do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da ala majoritária do PT, composta pelos grupos Construindo um Novo Brasil (CNB), Novo Rumo para o PT e PT de Luta e de Massa.

Tudo indica que os autores da nota acreditaram nas suas fontes, deixando de ouvir parte dos que são citados. No caso específico da Articulação de Esquerda, cujas posições são públicas e encontram-se disponíveis neste site (www.pagina13.org.br), não cometeríamos o equívoco de negociar candidatura e chapa “contra” alguém. E não por mera formalidade ou protocolo.

A questão é que só participaríamos de chapa e candidatura com outros setores do Partido, se fosse com base num programa comum. E, como sabe todo mundo que acompanha a vida partidária, as posições defendidas pelas tendências Mensagem e Movimento PT são distintas das nossas. Assim como são distintas as nossas posições e as posições defendidas pelo setor que apóia a candidatura de Rui Falcão, especialmente a tendência Construindo um Novo Brasil.

Por isto, ao menos no caso da Articulação de Esquerda, falar de chapa e/ou de candidatura com qualquer outra tendência, suporia um debate preliminar acerca da estratégia, da tática e do funcionamento do Partido, que pudesse convergir para uma posição comum. E no caso das tendências citadas na nota, este debate simplesmente não existiu.

Vale dizer que a Articulação de Esquerde decidiu, em reunião realizada em novembro de 2012, cujas deliberações como já se disse são públicas e publicadas, que reunir-se-ia com todas as tendências e setores partidários, de O Trabalho até a Construindo um Novo Brasil, para apresentar nossas posições. Mas, até agora, a reunião entre a direção nacional da AE e as respectivas direções da Mensagem e do Movimento PT não foram nem mesmo agendadas.

Portanto, a notícia publicada no Ig simplesmente não procede. Até porque, da mesma forma como nos recusamos a participar de “chapas únicas”, tampouco aceitaríamos participar de chapas “contra”, cujo único efeito prático seria empobrecer o debate de que o PT está tão necessitado.

Redação do Página 13

Leia também >>>>>“Correntes do PT avançam na negociação de candidatura contra Rui Falcão”.

Correntes do PT avançam na negociação de candidatura alternativa contra Rui Falcão

Avançou no PT a negociação para a formação de uma candidatura para disputar a presidência do partido, contra o atual detentor do cargo, Rui Falcão. As correntes Mensagem ao Partido e Articulação de Esquerda já conseguiram abrir um diálogo com o grupo Movimento PT para tentar uma união para a eleição interna marcada para novembro.

Leia também: Correntes petistas estudam chapa conjunta para enfrentar Rui
Falcão

Por enquanto, petistas ainda enxergam uma chance reduzida de o Movimento PT aderir à chapa. Se isso ocorrer, o nome escolhido para enfrentar Falcão teria uma candidatura muito mais competitiva. Até a semana passada, falava-se principalmente nos nomes do deputado Paulo Teixeira e do
ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra para encabeçar a
chapa. Nesta semana, começou a circular também o nome de Raul Pont
(PT-RS).

Leia também: Ala do PT estuda lançar Paulo Teixeira ou Olívio Dutra para a presidência do PT

A corrente Mensagem ao Partido vem tratando do assunto silenciosamente com a Articulação de Esquerda. A primeira é capitaneada pelo governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro. A segunda é um dos mais tradicionais grupos da chamada “esquerda petista” e, nas últimas eleições internas, teve como candidato o ex-secretário da sigla Valter Pomar.  A Mensagem cita dois possíveis nomes para encabeçar a chapa – o deputado Paulo Teixeira e o ex-governador do Rio Grande do Sul Olívio Dutra.

Juntas, as duas correntes dificilmente teriam força para rivalizar com Rui Falcão. Mas os mais ambiciosos falam em tentar atrair também o grupo Movimento PT, integrado por nomes como o ex-presidente da Câmara Arlindo Chinaglia e a ministra Maria do Rosário.

Aliados estimam que o atual presidente do PT tenha algo em torno de 60% dos votos no diretório nacional petista. Estão com o deputado os grupos Construindo um Novo Brasil, PT de Luta e de Massa e Novo Rumo para o PT.

Notas relacionadas:

  1. Rui Falcão deixará a presidência do PT em abril
  2. Rui Falcão vai a Fortaleza definir candidato do PT a prefeito
  3. Ala majoritária do PT formaliza apoio a Rui Falcão

Leia também >portal-do-ig-publica-informacao-incorreta-sobre-eleicoes-internas-do-pt/

Recurso da AE provoca anulação de todos os Encontros Setoriais do PT-SP

Um recurso articulado pelo companheiro Valter Pomar, da Articulação de Esquerda, foi acatado por 4x 2, na Comissão de recursos do DN do PT.

O recurso acatado ANULA TODOS OS ENCONTROS SETORIAIS do PT-SP.

A formalidade burocrática alegada foi a de que não havia quitação prévia de todos os delegados, mas essa quitação já foi feita.

É preciso considerar que havia praticamente um “vácuo” na regulamentação dos Encontros, que só foi formalizada 72h antes da primeira data possível de fazer os Encontros e 10  dias antes da segunda data possível. 

Não houve tempo mínimo para divulgar e executar o regimento nas suas minúcias. Se houve erro, foi da Executiva nacional.

O fundamental foi o esforço feito pelo conjunto da militância do PT-SP. Os encontros foram um sucesso, com 17881 credenciados. !  TUDO FOI FEITO POR ACORDO UNÂNIME NO PT-SP..

16 setoriais elegeram sua nova direção.  

Nada disso sensibilizou a AE e nem os 4 dirigentes nacionais que acataram o recurso. Provavelmente são daqueles setores do Partido que desprezam a militância setorial e fazem de tudo para boicotar os Encontros e esvaziar esse espaço de militância e formulação política.

Nesse momento, a Executiva Estadual do PT-SP acaba de recorrer para a Executiva Nacional, pedindo anulação dessa estapafúrdia decisão. 

São 168 DELEGADOS E DELEGADAS  de SP (considerando as Secretarias Setoriais)  aos Encontros Nacionais que estão tendo seu mandato cassado por iniciativa da AE e insensibilidade desses 4 companheiros.

Um absurdo! Grande indignação agora na militância dos setoriais. Vamos ficar fora do Encontro Nacional? A maior delegação do Brasil?

Esperamos que a Comissão Executiva Nacional tenha um mínimo de respeito pela militância de SP e tenha lucidez e agilidade para reverter esse absurdo.

Lider do PT na Câmara, Deputado Paulo Teixeira, esquentando os tamborins…

O Deputado Federal Paulo Teixeira PT – SP se reuniu com alguns dos pré candidatos e militantes Petistas do Noroeste Paulista trantando das atividades preparatórias para as eleições 2012.

O Lider da bancada petista, reafirmou os compromissos políticos firmados antes das eleições 2010, tanto quanto às propostas regionais, como tambem na construção das condições para o fortalecimento, da sociedade civil e dos movimentos sociais, fundamentais para consolidar os avanços e conquistas do povo brasileiro.

Disputar o Poder Executivo Municipal, é na cidade que as pessoa vivem.

Deputado Paulo Teixeira com a pre candidata à Prefeitura de São Francisco, Verginia Rocha - PT

Três eixos  são priorizados na atuação regional. O fortalecimento do PT estreitando laços com os movimentos sociais; a disputa de espaços institucionais nos Poderes Executivo e Legislativo bem como o aprofundamento da democratização das riquezas e das oportunidades para o pleno exercício da cidadania.

O provável candidato à Prefeitura de Pontalinda, Horácio Marques dos Reis Ferreira tratou da importância do apoio da bancada do PT para a cidade

O fortalecimento da agricultura familiar é um dos temas tratados como prioridade. A melhoria das condições de vida do homem do campo é fundamental para a região. Foram debatidas propostas para agregar valor e estimular a produção. Horácio manifestou sua preocupação com as consequencias da mecanização da agricultura que precisa ser acompanhada de políticas públicas para a geração de trabalho e renda sob pena de se aprofundar as desigualdades sociais e economicas. Paulo Teixeira reafirmou o compromisso com a luta pela democratização do acesso à terra, que no Governo Dilma virá acompanhado de medidas para estimular a produção e a comercialização. O lider da bancada do PT ressaltou tambem a importância da ampliação do acesso a informação e a inserção dos pequenos produtores no mundo virtual.

Zéquinha do PT de Vitória Brasil tratou das condições necessárias para garantir que o povo tenha o Direito de escolher seus governantes pelo voto. "Vitória Brasil pode ter a certeza de que o PT terá candidato próprio à Prefeitura em 2012."

Zequinha manifestou ao Lider do PT sua preocupação em garantir uma boa bancada de vereadores do Partido e falou com entusiasmo das novas filiações que vem acontecendo na cidade de Vitória Brasil. Estamos construindo um partido forte, à altura dos desafios de governarmos um município de pequeno porte.

Paulo Teixeira ressaltou que nesta nova fase do PAC o Governo Dilma está priorizando justamente as pequenas cidades. É necessário garantir aos pequenos o acesso aos meios para que se desenvolvam economica e socialmente falando. Isto terá que ser feito integrando esforços na educação, assistencia social, saúde, de todo o governo no combate à pobreza. O Governo Federal tem isto como sua maior meta.

Fortalecer a militância e o Partido, incorporar e formar novas lideranças.

O Partido dos Trabalhadores completou 32 anos de existência, nessa caminhada aprendeu muito evoluiu e cresceu. No PT a experiência e o aprendizado acumulados pelos Dirigentes e Militantes é valorizado. Para aumentar a força dos que lutam por uma sociedade mais justa e fraterna que virá com o socialismo tambem é necessário incorporar e formar novas lideranças. Dª Cida, como é conhecida Aparecida Esteves Chorro  Moura, uma das liderança comunitárias mais respeitadas do DM – Diretório Municipal de São Francisco tambem esteve presente no diálogo com o Deputado.

Dª Cida afirmou a importância da democracia partidária, uma das bandeiras históricas do PT. O PT não tem um dono, ele é dos trabalhadores

Dª Cida fez questão expressar sua concordância com Zéquinha do PT (Vitória Brasil). O PT de São Francisco está trabalhando para que em 2012 possa apresentar um conjunto de candidatos à Vereador, uma chapa própria, que possibilite ao eleitor a oportunidade de eleger uma sólida maioria na Câmara Municipal, para dar sustentação às mudanças a serem implementadas na Prefeitura.

Odair Pelisson, agora mais experiente e com apoios mais articulados, se apresenta tambem como um dos pré candidatos ao legislativo municipal

Pequeno produtor rural o Viticultor Odair Pelisson (Mengeli)  é uma das mais conhecidas lideranças petistas de São Francisco. Pretende disputar uma das vagas na chapa de candidatos do Partido ao Poder Legislativo. Compartilhou com o Deputado Paulo Teixeira sua preocupação com a construção da política de alianças local. O Lider da Bancada do PT ressaltou a importância da preocupação e todos os presentes conversaram longamente sobre a questão.

Dionísio levou ao Lider do PT sua preocupação em garantir, na prática, os Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.

Foi grande a identificação entre Paulo Teixeira e Dionísio, ambos tem profundas raizes cristãs, ambos são defensores de direitos. Paulo tem a Advocacia como ofício e Dionísio é membro do Conselho Tutelar de São Francisco. A possibilidade de Dionísio vir a ser um dos membros da futura chapa de candidatos do PT ao Legislativo foi vista por todos com muito otimismo. Uma nova liderança no PT que muito vem a somar no fortalecimento dos Trabalhadores.

Juventude Presente. A eleitora Priscila Landin de Souza, de Pereira Barreto formalizou sua filiação ao PT e vem somar na militância regional.

“Desde o primeiro voto, sempre fui petista. Na ultima campanha participei muito ativamente e acho que até demorei muito para formalizar minha militãncia”. Enfermeira de Formação, Priscila trabalha no ESF Rural de Pereira Barreto. Atende todos os dias a famílias de assentados pelo INCRA onde passou a compreender a luta permanente dos militantes do MST. Uma bela experiência se acumulou na defesa da saúde pública, da reforma agrária e em suas origens numa família de pequenos agricultores familiares. Não se iludam com olhar meigo, ela é de luta e agora é do PT… e luta pra valer.

Alguns dos pré candidatos do PT no Noroeste Paulista com o Deputado Paulo Teixeira. Vergínia (São Francisco), Zé Enfermeiro (Urânia) e Murilo Pohl (Jales)

Zé Enfermeiro, trabalha na Santa Casa de Misericóridia de Urânia. Ele é um dos membros da ativa comunidade católica local, dirigida pelo Padre Sardinha. Tem lutado há tempos pela reorganização do PT Municipal, que aguarda a formalização da sua Comissão Provisória. Tratou com Paulo Teixeira das necessidades do Hospital de Urânia, que precisa de ajuda para atender melhor aos usuários que lá chegam. Zé Enfermeiro é pré candidato à Vereador em Urânia.

 

AE, AE, é a esquerda do PT… Garantia de Luta!

É caminhando que se faz a luta...é batalhando que se vence a guerra.

I Congresso Estadual da Articulação de Esquerda PT – SP

Ontem, dia 9 de julho, na sede do Diretório Estadual do PT – Partido dos Trabalhadores, aconteceu o I Congresso Estadual da AE PT, Articulação de Esquerda, tendência interna do Partido, no Estado de São Paulo, a militância do Noroeste Paulista esteve também presente.

Arnaldo Murilo Silva Pohl, dirigente estadual da AE PT SP

Silvio Takashi Aragusuko Dirigente da AE Sindical

Wagner Hosokawa Dirigente Estadual da AE apresenta a proposta "inalgurar um novo período"

José Haroldo de Souza, Dirigente Estadual da AE/SP, com militantes de Vitória Brasil, Palmeira D'Oeste e São Francisco

Valter Pomar, Dirigente Nacional da AE/SP, discorre sobre o anteprojeto de resolução ao Congresso da AE

Parte da Delegação de Militantes da AE Noroeste Paulista presente no I Congresso Estadual. Pontalinda, Vitória Brasil, São Francisco, Palmeira D'Oeste, Pereira Barreto e Urânia.

Julian Rodrigues, Dirigente da AE/SP apresenta propostas ao Congresso

I CONGRESSO DA ARTICULAÇÃO DE ESQUERDA. CONGRESSO ESTADUAL DA AE-SP

C O N V O C A T Ó R I A
===============

I CONGRESSO DA ARTICULAÇÃO DE ESQUERDA
CONGRESSO ESTADUAL DA AE-SP

O Congresso Estadual da AE-SP, etapa preparatória ao I Congresso da AE, será realizado no dia 9 de julho de 2011, sábado, no período das 9h às 17h30, na sede do Diretório Regional do PT-SP (Rua Abolição, 297. Bela Vista. São Paulo-SP), com a seguinte programação:

 

9h – Abertura do credenciamento

10h – Eleição da mesa diretora dos trabalhos

10h15 – Exposição dos projetos de resolução apresentados à mesa

11h15 – Debate

13h – Almoço

14h30 – Continuação do debate

16h30 – Votações e deliberações

17h30 – Proclamação dos resultados e encerramento

Comissão Organizadora

Direção Estadual da AE-SP

Sobre a visita de Barack Obama ao Brasil. Direção Nacional da Articulação de Esquerda, tendência interna do Partido dos Trabalhadores


A visita de Barack Obama, Presidente dos Estados Unidos, ao Brasil, será uma oportunidade para que o governo Dilma reafirme nossas posições em favor de uma nova ordem mundial, baseada no desenvolvimento, na paz, nos direitos humanos e no respeito à soberania e autodeterminação dos povos.

Será, também, uma oportunidade para que a sociedade brasileira manifeste sua opinião acerca da política estado-unidense. Manifestação que pode e deve ser distinta da feita pelo governo, até porque aprendemos com a história passada e presente quão desastrosas resultam as tentativas de subordinar movimentos e partidos aos governos.

Neste sentido, saudamos as manifestações de partidos de esquerda, movimentos sociais e setores progressistas em geral, em favor do imediato fechamento da prisão em Guantánamo, da suspensão do bloqueio contra Cuba e pela revisão das leis de imigração nos Estados Unidos, que tanto prejudicam os imigrantes que buscam aquele país por melhores condições de vida.

Reiteramos, também, nosso repúdio às guerras promovidas pelos Estados Unidos no Afeganistão e no Iraque, bem como às ameaças de invasão da Líbia.

Denunciamos ainda, como inimiga da paz mundial e da democracia, a postura do governo Obama, que deu apoio efetivo para os golpistas em Honduras, continua espalhando bases militares pelo continente, inclusive junto às fronteiras da Amazônia. Igualmente contestamos o renascimento da IV Frota.
Da mesma forma como fizemos quando da visita do então presidente George W. Bush, os militantes petistas participarão das atividades convocadas pelos movimentos sociais, em defesa de nossas posições e contra as políticas do governo e da mídia dominante dos Estados Unidos, que expressam os interesses de poderosos grupos econômicos transnacionais.

Direção Nacional da Articulação de Esquerda, tendência interna do Partido dos Trabalhadores

%d blogueiros gostam disto: