….o bilheteiro fanho do cinema gay…. by Marcelo Semer

Rir de uma testemunha, no meio da audiência, era o mico que mais temia pagar

O bilheteiro fanho do cinema gay, da série Crônicas do Crime

Da última vez, tinha sido com dona Yoko.

Eu estava desatento, despachava processos que ficavam em cima da mesa, aproveitando cada instante dos pequenos intervalos entre as audiências. Só depois que a escrevente tinha colocado todas as partes sentadas, foi que peguei a pauta para conferir o nome da primeira testemunha.

-Então…. dona. .. dona.. Yoko…Okada.

E não consegui segurar o riso. Saiu uma gargalhada daquelas tão involuntárias quanto incontroláveis. Dona Yoko levou na esportiva. Como admitiu, resignada, estava acostumada às gozações que as armadilhas da cacofonia lhe preparavam. Mas para mim, rir de uma testemunha na frente de todos era um daqueles micos que mais temia pagar em uma audiência.

A memória do vexame e o aprendizado do autocontrole foi me poupando, com o tempo, de situações assim constrangedoras.

Mas quando o bilheteiro fanho do cinema gay começou a falar… LEIA MAIS

Protesto chique em SP lembra fracasso do “Cansei”

protestos paulista g 20110907 Protesto chique em SP lembra fracasso do Cansei

Eles não aprendem e não desistem. Derrotados três vezes nas eleições presidenciais, os valentes da fina flor paulistana foram de novo às ruas para protestar “contra tudo o que está aí”. Desta vez, o álibi foi a Marcha Contra a Corrupção organizada nas redes sociais em várias regiões do país.

Em São Paulo, apesar dos esforços de alguns blogueiros histéricos, o protesto fracassou: segundo  a Policia Militar, apenas 500 pessoas se animaram a sair de casa neste belo feriado de 7 de setembro com muito sol para ir à avenida Paulista levantar cartazes contra a corrupção.

A personalidade mais conhecida identificada pela imprensa foi a socialite Rosangela Lyra, sogra do jogador Kaká e representante da Dior no Brasil.

Era a mesma turma chique do “Cansei”, um “movimento cívico” criado em julho de 2007, para protestar contra o “caos aéreo”, pelo presidente da OAB paulista, Luís Flávio Borges D´Urso, agora pré-candidato do PTB de Roberto Jefferson a prefeito de São Paulo, mas nem ele foi visto hoje na avenida Paulista.

De outro líder do “Cansei”, o executivo Paulo Zotollo, ex-presidente da Phillips, não se ouviu mais falar. Na época, ele causou um enorme dano para a imagem da empresa ao declarar em entrevista ao jornal “Valor”:

“Não se pode pensar que o país é um Piauí, no sentido de que tanto faz como tanto fez. Se o Piauí deixar de existir ninguém vai ficar chateado”.

O Piauí ainda existe, virou até nome de revista, vai bem, cresce e seu povo está melhorando de vida, ao contrário do infeliz executivo que apenas vocalizou o que pensava boa parte da elite paulistana sobre os nordestinos, quando o presidente do país era o  pernambucano Lula.

A direção nacional OAB nacional na época, que ainda não era dominada por tipos como Ophir Cavalcante (quem?), o novo Álvaro Dias predileto da mídia, decidiu não participar do movimento e criticou a sessão paulista da entidade.

O então presidente da OAB-RJ, Wadih Dammus, resumiu do que se tratava. “O Cansei é um movimento de fundo golpista, estreito e que só conta com a participação de setores e personalidades das classes sociais mais abastadas de São Paulo”.

Foi o que se viu no 7 de setembro de protestos na avenida Paulista. São os mesmos. Só mudou o mote.

No final da tarde desta quarta-feira, 7 de setembro de 2011, os números sobre o tamanho das manifestações em São Paulo variavam nos portais da grande mídia, que ajudaram a promover os protestos na avenida Paulista.

Segundo a “Veja”, em nova manifestação promovida à tarde, no mesmo local, havia entre 2 e 4 mil pessoas no protesto, dependendo do informante e do blogueiro.

No portal da  “Folha”, o maior jornal do país, a multidão de protestantes chegou ao máximo de 700 manifestantes, em seus diferentes informes ao longo do dia.

Até o final da tarde, segundo o portal do “Estadão”, um dos mais empenhados promotores das manifestações na avenida Paulista, em nenhum momento, até as 19 horas,  o protesto passou de 500 participantes.

Seja como for, foi bem menos gente do que o registrado na maior manifestação do fracassado “Cansei”, promovida no dia 17 de agosto de 2007, na praça da Sé, em São Paulo, com o apoio da Febraban (a federação dos bancos) e da Abert ( a associação das grandes emissoras de televisão), entre outras mais de 60 entidades da “sociedade civil organizada”.

Segundo a Polícia Militar, havia 5 mil pessoas naquele dia em São Paulo protestando contra o “caos aéreo” do governo Lula e outras mazelas nacionais.

A grande imprensa brasileira, que se uniu para promover o golpe militar de 1964 e eleger Fernando Collor em 1989, parece ter perdido seu poder de mobilização. E seus blogueiros, colunistas e editores amestrados continuam latindo para cada vez menos gente.

Publicado originalmente no Balaio do Kotscho

LULA recebe o título de Doutor Honoris Causa na Sorbonne

via Ninho da Vespa

 

 

 

No próximo dia 27, Lula recebe o título de doutor honoris causa na Sorbonne. Desembarca no mesmo solo sagrado do saber que pisou Jean-Paul Sartre, Claude Lévi- Strauss e FH.

A vida é uma ciranda

Vai faltar Lexotan lá nas bandas do Higienópolis

Noroeste Paulista – Votuporanga. DE VOLTA AO PASSADO

          Os língua-preta que disseram que os coqueiros estéreis da Rua Amazonas de nada servem estavam completamente enganados. Bem como aqueles que disseram que a revitalização da Rua Amazonas diminuiu o espaço de estacionamento… Só se for dos carros, pois pra carrinho de tração animal, o projeto está sob medida, cabe certinho um carrinho no vão dos coqueiros. Até parece coisa premeditada… Se bobear, algum poeta faz música – Quem sabe entre um coqueiro e outro a gente se afinize e comece a encostar…

          Não sou engenheiro, muito menos arquiteto, mas o espaço me parece perfeitamente hábil para uma manobra perfeita. Se fosse exigência do patrão não teria saído assim tão perfeito. O melhor de tudo é que, uma caminhonete precisa fazer manobra pra dobrar as esquinas e estacionar nas vagas reduzidas e disputadas, mas os carrinhos de tração animal, não. Dá pra se estacionar numa única manobra, logicamente dependendo da perícia daquele que está mandando os beijos!!!

          Outra curiosidade que notei, foi a de que os projetistas esqueceram de construir os bebedouros (vascas, como se dizia antigamente) para os animais, mas com jeitinho acho que dá até para adaptar àquelas lixeiras em vascas. Aí tudo ficará perfeito, exatamente como no início. A diferença é que no início era só fincar uma lasca de aroeira ou angico (madeiras abundantes da época) no chão e já estava pronto o mastro para a amarração do cabresto. Talvez os mastros de hoje tenham ficado um pouquinho mais caros, mas ficaram muito mais elegantes, temos que admitir. Teve gente dizendo até que seguiu conceitos paisagísticos parecidos com os de um vilarejo da França?!?!?!

          Sei lá, nunca fui à França, mas fico feliz que nesta inocente imagem aí, alguém tenha encontrado alguma utilidade para aqueles coqueiros, pois até agora eu já tinha arrebentado os meus dois neurônios e não havia vislumbrado sequer uma.

          Resta-nos somente uma pergunta – Será que pagou Zona Azul???

          Outra coisa… Agora eu vi que quem tem amigos influentes e importantes, tem tudo. Deve ter amigo na PM ou não secretaria de trânsito. Só pode… A gente se descuida um minutinho e a multa chega primeiro que a gente em casa, mas o amigo aí deve ter costas quentes. Ôh se deve…

          Preciso fazer um comentário sórdido. Em outros tempos e no meu pedaço, uma éguinha roliça e calçada dessas não durava uma hora aí parada sem “companhia”… Só pra que vocês tenham uma vaga idéia de como a minha área era perigosa, aqui tinha um cabôco que era conhecido pelo singelo apelido de João da égua e ele nem era carroceiro!!!

Recebido por email de: Roberto Martins roberto_lamparina@hotmail.com

Noroestes Paulista – Votuporanga lançará um selo incentivando o turismo na cidade. (via @rob_lamparina)

Tivemos acesso a este selo e estamos repassando para todos.

Blog do Passarinho Pentelhão…imperdivel ! Visite ! Hilário !

Energia eólica mais barata do mundo é aqui no Brasil!!! Maior usina de etanol do mundo é da Petrobras!!! Que também vai duplicar produção de petróleo em cinco anos!!! É o domingão da Míriam Leitão!!!

Direto ao que interessa!

As empresas do povo

Petrobras

– Jornal O Estado de S. Paulo, terça-feira, dia 16/08/2011:

Lucro da Petrobrás cresce 37% no semestre

Resultado foi de R$ 21,928 bilhões, ante R$ 16,021 bilhões do 1º semestre de 2010

A Petrobrás anunciou ontem ter obtido no segundo trimestre deste ano um lucro de R$ 10,942 bilhões. O valor representa 31,9% de crescimento em relação ao mesmo trimestre de 2010, quando o lucro líquido foi de R$ 8,295 bilhões.

No acumulado do primeiro semestre, o lucro, anunciado como recorde pela companhia, atingiu R$ 21,928 bilhões, o que significa 37% mais na comparação com o mesmo período de 2010 (R$ 16,021 bilhões).

Comentário do Pentelhão: O Pentelhão sabe que é foda pro seu discurso neoliberal esse negócio de as empresas estatais baterem recorde atrás de recorde em seus balanços anuais, semestrais, trimestrais, etc. Mas, fazer o quê, querida?

– Jornal do Commercio – RJ, quinta-feira, dia 18/08/2011:

Gabrielli prevê o dobro da produção até 2015

O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, destacou ontem em audiência na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados que a capacidade de produção de petróleo da companhia no Brasil dobrará até 2015. De acordo com o Plano de Investimentos, de US$ 224,7 bilhões, para o período de 2011 a 2015, será acrescida capacidade de 2,3 milhões de barris por dia. A produção atual é de 2,1 milhões de barris por dia. “Vamos crescer em cinco anos toda a capacidade que a companhia teve nos últimos 50 anos”.

Comentário do Pentelhão: Já foi sacanagem com a Míriam Leitão a Petrobras ter sido a única grande companhia petrolífera do mundo a dobrar sua produção entre 2000 e 2010, mas Gabrielli garantir que a empresa dobrará novamente sua produção, desta vez em apenas cinco anos, é uma clara provocação com nossa patronesse do Partido da Imprensa Urubu. Vamos ver o que acontece. O Pentelhão acredita que a Petrobras cumprirá sua promessa!!! E você, Míriam???

– Jornal O Estado de S. Paulo, quinta-feira, dia 18/08/2011:

Petrobrás e São Martinho terão a maior usina de etanol do mundo

A Nova Fronteira, joint venture entre o Grupo São Martinho e a Petrobrás Biocombustível, vai investir R$ 520,7 milhões para transformar a Usina Boa Vista, localizada em Quirinópolis, Goiás, na maior produtora de etanol de cana-de-açúcar no mundo. O anúncio foi feito pelos presidentes da São Martinho, Fábio Venturelli, e da Petrobrás Biocombustível, Miguel Rossetto.

Segundo Venturelli, a expansão permitirá que a capacidade instalada de moagem de cana-de-açúcar saia dos atuais 3 milhões de toneladas para 8 milhões de toneladas em três anos, até a safra 2014/15. “A cana será toda revertida para a produção de 700 milhões de litros de etanol e 600 mil megawatt/hora de energia elétrica excedente”, disse o executivo

Comentário do Pentelhão: Míriam Leitão, como neoliberal radical, é claro, faz careta para os investimentos da Petrobras na produção do etanol. Para ela, a responsabilidade deveria ser apenas dos usineiros. O problema, querida, é que os usineiros já deixaram a população na mão duas vezes. Portanto, sai da frente, porque a Petrobras vai produzir muito etanol!!! E sem o perigo de mudar para o açucar quando o preço deste produto disparar no mercado internacional!!!

BNDES

– Coluna Direto da Fonte, Sonia Racy, Jornal O Estado de S. Paulo, sexta-feira, dia 19/08/2011:

Cash – O BNDES depositou, anteontem, a primeira parcela do maior patrocínio cultural do história do banco – R$ 32 milhões.

Comentário do Pentelhão: Sem comentários!!!

– Coluna Negócios & Cia, Flávia Oliveira, Jornal O Globo, terça-feira, dia 16/08/2011:

Empréstimos do BNDES crescem na base

Banco liberou quase R$ 1 bi para micro e pequenas empresas do Rio até junho

Comentário do Pentelhão: Olha a Flávia de Oliveira pentelhando de novo você, Míriam Leitão!!! O PIG, você incluída, querendo vender para a população a imagem de que nosso invejado, por boa parte do mundo, banco de fomento só ajuda as grandes corporações e essa menina insistindo em trazer números desmentindo essa lorota!!! Sem briga, querida!

Economia

– Jornal O Estado de S. Paulo, terça-feira, dia 16/08/2011:

Crise não afeta vendas para os Dias dos Pais

Movimento do comércio foi entre 5,6% e 8,8% melhor do que na mesma data do ano passado

Comentário do Pentelhão: Gostou da marolinha, querida??? Ou você preferia uma tsunami???

Investimentos

– Jornal O Estado de S. Paulo, sexta-feira, dia 19/08/2011:

Bunge vai investir US$ 2,5 bi em expansão de usinas

A gigante do agronegócio Bunge anunciou ontem um plano de investimentos de US$ 2,5 bilhões, até 2016, para elevar em mais de 50% a capacidade de processamento de cana de suas oito usinas de açúcar e álcool no País. Com isso, a capacidade de processamento passará de 21,5 milhões para 30 milhões de toneladas por ano.

Comentário do Pentelhão: Viu, querida! Não é só a Petrobras que está chegando junto!!! Parece que ainda não vai ser desta vez que os urubus que torcem contra o programa do etanol brasileiro vão se dar bem!!!

– Jornal O Dia, quarta-feira, dia 17/08/2011:

Pré-sal vai criar 2 milhões de empregos

 A exploração do pré-sal vai estimular o crescimento de diferentes setores da indústria e gerar mais de 2 milhões de empregos até 2020. A estimativa está em estudo apresentado ontem, em São Paulo, pelo diretor-geral da Organização Nacional da Indústria do Petróleo (Onip), Eloi Fernández e Fernández. Segundo ele, a cadeia do petróleo e gás vai concentrar a maior parte dos investimentos no País até 2014.

Comentário do Pentelhão: Oh gente ufanista!!! E esse jornal O Dia, que não participou aqui no Rio de Janeiro do esforço do PIG para tentar eleger Serra, adora este tipo de notícia!!! O Pentelhão também. E você, Míriam, gosta???

– Jornal O Estado de S. Paulo, segunda-feira, dia 15/08/2011:

Na Siemens, o Brasil deixou a China para trás

Nos próximos cinco anos, gigante alemã vai dobrar investimentos entre as grandes nações emergentes

… Em 2006, a venda da operação mundial de telefonia da Siemens resultou na desativação de uma unidade local de produção de celulares, em Manaus. Nos anos seguintes, porém, o investimento no Brasil acelerou: de 2006 a 2011, a empresa contratou 4 mil funcionários no País e o número de fábricas subiu de 5 para 13. A décima quarta unidade – uma linha de montagem de aparelhos de diagnóstico por imagem – será inaugurada no próximo ano, em Joinville (SC).

Comentário do Pentelhão: Oh desindustrialização mais esquisita essa do Brasil em que cada vez mais fábricas são construídas por aqui!!!

Energia/Meio ambiente

– Jornal Folha de S. Paulo, sexta-feira, dia 19/08/2011:

Energia eólica já é mais barata do que a térmica a gás no Brasil

Foram contratados quase 2.000 MW por menos de R$ 100 por MW; preços surpreendem

Governo diz que os dois leilões desta semana revelam novo paradigma para as energias renováveis

O custo da energia eólica no Brasil, uma das principais fontes renováveis do mundo, já é menor do que o da energia elétrica obtida em termelétricas a gás natural. O governo classificou essa situação como o novo paradigma do setor elétrico brasileiro. Em alguns casos, a energia eólica também tem custo inferior ao das usinas movidas a biomassa de cana. Esse foi o principal resultado dos dois leilões realizados pelo governo entre quarta e ontem, em São Paulo.

Comentário do Pentelhão:  A energia eólica era a preferida da Míriam Leitão. Depois, contudo, que os investimentos neste tipo de energia explodiram no país e com o preço mais baixo do mundo, parece que ela perdeu o interesse no assunto. A culpa pode ter sido desse tipo de leilão implantado pelo Governo dos Trabalhadores onde vence quem oferece o menor preço para o consumidor. Talvez o mundo queira conhecê-lo melhor.

Governo/política

– Coluna Mercado Aberto, Maria Cristina Frias, Jornal Folha de S. Paulo, terça-feira, dia 16/08/2011:

Crédito no campo – Os recursos direcionados ao crédito rural devem alcançar R$ 107,6 bilhões em junho de 2012, fim do prazo de financiamento da safra 2011/12, com alta de 15% sobre junho deste ano, segundo projeção da RC Consultores.

Comentário do Pentelhão:  Tá bom pra você, Míriam, ou quer mais???

Jornal O Estado S. Paulo, quarta-feira, dia 17/08/2011:

Dilma cria quatro novas universidades federais

A presidente Dilma Rousseff anunciou ontem a criação de quatro novas universidades federais – a do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), a do Sul da Bahia (Ufesba), a do Oeste da Bahia (Ufoba) e a da Região do Cariri (UFRC), no Ceará. Ao todo, as instituições contarão com 17 câmpus, sendo 12 novos. O governo prevê que elas iniciem suas atividades até 2014 e deve investir R$ 604 milhões nas instalações.

Comentário do Pentelhão:  Essa mania do Governo Federal de ficar construindo escolas técnicas e universidades e de insistir em colocar os filhos dos trabalhadores lá já está indo longe demais, não é não, querida??? Lamentamos por você, mas o caminho é este e não tem volta!

Domingo que vem tem mais!

Abraços, Passarinho Pentelhão.

LEIA MAIS! VISITE O PASSARINHO PENTELHÃO

Seu pai merece o melhor! Quando for comprar um presente de #diadospais, procure sempre algo que seja a cara dele! (via @jose_simao)

%d blogueiros gostam disto: