Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível.

Quando decidi criar este blog  já tinha apanhado,  batido também, e muito…

Cópia de mensagem assinada por Chê

Peço licença para falar de mim na terceira pessoa, fica mais fácil.  Afinal, embora própria, é uma história, hoje.  E amanhã será hoje tambem. Cansei de ver as pessoas reinventando, quando não, inventando mesmo, uma história que não conhecem. Há aqueles que inventam ou reinventam sem maldades, nos bares, nas esquinas. mas há tambem aqueles que o fazem para atender a interesses inconfessáveis. A burguesia fede. Fedem mais os serviçais que à espera das migalhas que possam vir à cair da mesa ficam a buscar botas para lamber. Fedem mais ainda quando estão nos veículos de comunicação de massas.

 Foi numa mesa de bar, que fui convencido a escreve outra vez. Nem tenho certeza de que quem me convenceu é um amigo. Mas gosto dele e procuro entender o papel que representa, com que frequencia, o papel que representamos na vida se torna grande demais.  Talvez maior que a gente mesmo ?  Que a gente diverge na política, diverge, mas isto não é pessoal. Abraço prá você carioca.

 

 

 

 

 

 

A família.

Arnaldo Murilo Silva Pohl naceu em Petrópolis e viveu com seus pais, até completar os 18 anos na Região Serrana do Rio de Janeiro, Teresópolis, tudo “parede de meia” com o Parque Nacional Serra dos Orgãos.

Se voce não conhece a região, tendo oportunidade, conheça. Costumo dizer que se Deus fez do mundo um quadro, ali Ele resolveu colocar a sua própria assinatura,  é tão lindo… que se diga poéticamente: é Divino.

Basta dizer que a Familia Imperal,  donos de tudo e todos ali escolheram para construir seus Palácios. Ele, Dom Pedro em Petrópolis, ela Dona Tereza Cristina em Teresópolis. Com certeza eles bem escolheram o lugar.

vista parcial da Catedral de Petrópolis

Murilo Pohl, como é conhecido, é filho único de Ernst Wilhelm Pohl e Moema Silva Pohl, comerciantes com atuação na floricultura, paisagismo e especilamente orquidicultura. O pai, de origem alemã, chegou ao Brasil depois do final da 2º Guerra Mundial. O jovem alemão conheceu sua mãe, Dona Moema, em Petrópolis onde se casaram e Murilo nasceu.

Os avós maternos, Waldemar Silva e Magnólia Passos Silva, naturais de Alagoas, mudaram para o Sudeste quando o Banco do Brasil ofereceu este caminho a Waldemar, onde concursado, trabalhou. Ele terminou por se aponsentar pelo BB em Santos-SP, praça mais importante do Banco à época.  Já se ocupava do cultivo e exportação de orquideas, nas horas vagas,  quando estava na ativa no Banco. Depois de aposentado, foi em busca do clima de Petrópolis, propício a sua paixão,  lá  fundou o Orquidário Brasil.

Oma e Opa chegaram pouco depois ao Brasil e escolheram o Paraná para viverem. Wilhelm e Eleonora Pohl se estabeleceram em Curitiba.

Quando o avô, Waldemar resolve retornar para São Paulo com a esposa, e se estabece em Campinas, onde já tinha vínculos, Murilo completava 3 anos. Seus pais tambem mudam de Petrópolis para a vizinha  Teresópolis. Compraran a Floricultura Tesesópolis e tambem alguma terra para o cultivo de plantas ornamentais e flores. Logo depois veio o Golpe de Estado de 1º de Abril de 1964, coordenado pela 7ª Frota da Marinha Norte Americana.

Viveu a infancia em Teresópolis onde conheceu Sheila Carneiro Lauterbach. Se apaixonaram, e do amor do casal surgiu a decisão de formar nova família. Passavam tanto tempo juntos que mesmo jovens passaram a conviver maritalmente. Objetivando, entre outras coisas, ter autonomia finaceira, Murilo aos 18 anos muda para Campinas. Vai montar seu próprio negócio e nova casa para trazer a mulher amada, sem que ambos tivessem dependência das famílias.

Não foi complicado se estabelecer comercialmente. Murilo era preparado e contava com o apoio e orientação do avô em Campinas. Antes de completar 19 anos estava estabelecido comercialmente e tinha boa estabilidade. No dia em que foi buscar a companheira em Teresópolis (queria fazer uma surpresa), ao chegar, foi informado pelos amigos do falecimento dela durante à noite. Enquanto ele viajava, na noite, de Campinas para Teresópolis ela morria. Foi para surpreender e foi surpreendido. Foi para surpreender com o casamento. Foi surpreendido com o sepultamento.

Serra dos òrgão, tendo ao centro o Dedo de Deus, A Quem tudo está entregue.

Depois disto teve várias relações amorosas consistentes. Amou muito e foi amado mas nunca casou, mesmo tendo gerado prole. Disto não trataremos neste espaço, não vem ao caso. Abrejos Juliana.

 A preparação.

Começou a frequentar a escola cêdo, já jogava xadrez quanfo foi para o jardim de infância. O Jardim,  pré-primário e  o primário fez  no Colégio do Carmo (Irmãs Carmelitas).  O ginásial foi no Colégio São Paulo (Irmãs Angélicas).

O Científico iniciou no Colégio São Paulo e quando mudou para Campinas, aos 18 anos, concluiu o Ensino Médio (reforma do Ensino- acordo MEC/USAID)  no Liceu Salesiano N. Sra  Auxiliadora de Campinas (Padres Salesianos).

A mudança para Campinas atendia a triplo objetivo. Primeiro acredita-se à epoca que o ensino superior em São Paulo, especialmente em Campinas, era a melhor referencia de qualidade em todo o Brasil. O segundo objetivo fortalecer vínculos familiares. Filho único buscou estar mais próximo de seus avós maternos que estavam estabecidos na cidade e sós. E  constituir família era parte dos planos. O terceiro objetivo era comercial. A infra estrutua da região para o comercio internacional de plantas e flores, desde há muito é sem rival no Brasil.

No Início dos anos 80 cursou Ciencias Sociais e Jurídicas na FADI – PUCCAMP. Não concluiu o curso, à época, e hoje é acadêmico de Direito na FUMEC de Santa Fé do Sul (Noroeste Paulista).

Fazer o que?

Se estabeleceu comercialmente aos 18 anos, fundando a Agroexportadora Silva Pohl Ltda com atução  na produção e comercio internacional e tambem interno de sementes e plantas ornamentais. Com a ajuda de seu avô,  Waldemar Silva (fundador do Orquidário Brasil), transferiu-se para Campinas. Rapidamente atingiu reconhecimento e sucesso material. Dado ao intrincado regramento das relações comerciais internacionais, resolveu estudar Direito.

Graças aos militantes do PCdoB e do PCB a Faculdade de Direito da PUCC de Campinas estava em pleno centro da efervecência da luta política contra a Ditadura Militar e em Defesa dos Direitos Humanos no final dos anos 70 e início dos anos 80.

Participando dos enfrentamentos da política acadêmica (DA XVI de Abril, DCE PUCCAMP, UEE, UNE em reconstrução) sua vida tomaria um rumo decisivo. 

Filiou-se e ajudou a fundar o PDT no Estado de São Paulo, em 1982, sob o comando de Rogê Ferreira, tendo exercido a Presidencia Estadual da JS – Juventude Socialista por dois mandatos seguidos e nesta condição participado da Direção Nacional da Juventude Socialista do PDT, presidido por Leonel Brizola. Tempos duros e difíceis que ficaram conhecidos em nossa história nacional como anos de chumbo.

Na luda pela redemocratização, pelo fim da Ditadura, pelas Diretas Já, Constituinte Livre e Soberana. Em defesa do Socialismo e da Emancipação Nacional ingressou e participou do PDTR, de linha Prestista, movimento de renovação dos compromissos anti-imperialistas e socialistas do PDT.  Neste período circulou por vários estados do país e regiões do Estado de São Paulo, tendo prejudicado sua vida acadêmica. Foi um dos coordernadores, em 1989, da Campanha de Brizola/Lira para a Presidencia da República, responsável pela regional Campinas.

Apos a morte de Luis Carlos Prestes, a promulgação do ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente e a conquista do SUS  foi paulatinamente se dedicando menos à politica partidária, e mais aos movimentos sociais.

Em meados dos anos 90 afasta-se do PDT e aproxima-se do PT.

O MTST – Movimento dos Trabalahdores Sem Teto

Em 17 de abril de 1997, quando se completou um ano do Massacre de Elorado dos Carajás, sob orientação do MST o MTST _ Movimento dos Trabalhadores Sem Teto desenvolve sua primeira ocupação urbana. 5200 famílias ocupam a área que foi batizada como Parque Oziel. O nome é uma homenagem ao jovem Oziel Alves que foi bárbaramente assassinado com um diro na boca pela Polícia Militar do Estado do Pará, depois de ter sido instigado a gritar: “Viva o MST” – na frente de centenas de Sem Terra, que ele coordenava na marcha,  no episódio que ficou mundialmente conhecido como Massacre de Eldorado dos Carajás. O Parque Oziel, Monte Cristo e Gleba B é considerado até hoje a maior ocupação urbana da América Latina.

Foto: Sebastião Salgado

Mortos em Eldorado dos Carajás

Anos depois, Murilo militou como coordenador geral da ocupação do MTST, denominada Parque Oziel, Monte Cristo e Gleba B (maior ocupação urbana da América Latina), onde hoje estão estabelecidas aproximadamente 30 mil pessoas filiou-se ao PT atendendo ao chamado de Renato Simões e Carlos Signorelli.  Foi um dos coordenadores, junto com o Padre Nelson Ferreira de Souza,  da Marcha dos 10.000 em 6 abril de 2001

Em 2002, na campanha de Renato Simões, Luciano Zica, Mercadante, Wagner e Lula mudou  para o Noroeste Paulista estabelecendo residencia em Jales, juntamente com sua mãe e participando da construção da vitória do PT .

Em 2003 participa da fundação da Associação Regional Educacional de Defesa da Cidadania – A REDE da Cidadania, na cidade de Pontalinda onde trabalhava como Educador Social. Em 2004 passa a ser membro do CMS – Conselho Municipal de Saúde de Jales, representando a Associação de Moradores de Bairro do S. Judas e adjacências.

No mesmo ano, 2003, com o PT conquista a Prefeitura Municipal de Jales.

Em 2005 é eleito Presidente da A REDE da Cidadania, (que conquista o reconhecimento como OSCIP), é eleito Secretário Executivo do CMS, passa tambem a ser membro do CMDCA e do CMAS de Jales.

Em 2006 se faz substituit no CMS, se afasta do CMAS e assume a presidencia do CMDCA, que exerceu por dois mandatos seguidos, tendo sido reeleito em 2008. É um dos fundadores do CORECA Noroeste Paulista- primeiro consorcio intemunicipal de defesa de direitos da criança e do adolescente fundado no Brasil.

Membro do DM – Diretório Municipal do PT,  foi Secretário de Formação Política e foi eleito membro do Coletivo dirigente da Macro Noroeste Paulista em 2010.  Tambem foi  membro da Direção Estadual da AE/SP – Articulação de Esquerda, tendencia interna do PT até 2011.

Em 2011 passou a centrar esforços na construção e consolidação do PT nas cidades da micro região de Jales. Junto com o coletivo que se articulou para a disputa do Congresso Nacional da EPS SPArticulação de Esquerda – AE, em torno da chapa Inalgurar um Novo Periodo no PT, rompe com a AE e passa a contribuir no processo de construção da  a EPS – Esquerda Popular Socialista – PT. Na EPS é escolhido como membro do Coletivo Dirigente Estadual junto com Aparecida Chorro Esteves de Moura, sendo ambos responsáveis pela condução da EPS – PT Noroeste Paulista.

 

(texto em construção – sem revisão)

http://www.comciencia.br/reportagens/cidades/cid05.htm

Editorial:
As cidades e os muros
Carlos Vogt
Reportagens:
Prós e contras da revitalização urbana
Enfim o Estatuto da Cidade
Programa Habitat procura desenvolver a qualidade de vida nas cidades
Ocupações revelam déficit habitacional
Fórum Social propõe uma outra cidade possível
Novas metrópoles, velhos problemas
Conflitos entre centro e periferia
Qualidade das águas é cada vez pior
Lixo é problema ambiental com agravantes sociais
Transporte em São Paulo: conflitos e soluções
Poluição sonora piora ambiente urbano
Preservação ambiental: destino alternativo para o litoral sul de São Paulo?
Cidade tenta unir tecnologia com inclusão social
Educação para uma nova cidade
Brasília contrastes de uma cidade planejada
Vilas significaram distância entre patrões e operários
Artigos:
Dimensões da tragédia urbana
Ermínia Maricato
Aprovação do Estatuto da Cidade
Geraldo Moura
O passado nas cidades do futuro
Cristina Meneguello
“As cidades nos países subdesenvolvidos” em um mundo globalizado
Tatiana Schor
Cidades e seus fragmentos
Rogério Lima
Cidade, língua, escolae a violência dos sentidos
Cláudia Pfeiffer
A cidade como objeto de estudo
Maria Josefina Gabriel Sant’Anna
Poema:
Manual do novo peregrino
Carlos Vogt
 
Bibliografia
Créditos

 

Ocupações revelam déficit habitacionalO problema das ocupações irregulares de terrenos urbanos para moradia da população de baixa renda se repete na maioria das grandes cidades brasileiras e nos países subdesenvolvidos e em desenvolvimento. O resultado é o crescimento desordenado e o inchaço das cidades com falta de infra-estrutura para garantir as necessidades básicas do cidadão, reconhecidas na Constituição, como o saneamento básico, abastecimento de água, assistência médica, transporte e educação. A outra grave conseqüência deste crescimento irregular urbano é o alto índice de violência e criminalidade. A falta da presença do Estado em certas regiões da periferia das metrópoles e áreas de risco, como encostas de morros e beiras de córregos e rios, transforma estes locais em uma verdadeira terra-de-ninguém, em guetos urbanos onde a lei é ditada através da violência de grupos do crime organizado.

Essa realidade é o reflexo dos vários problemas sociais enfrentados por países como o Brasil, onde existe grande concentração de renda e onde há, historicamente, uma corrente migratória do campo para a cidade em busca de emprego e dos benefícios da vida urbana. A forma para garantir o acesso à moradia é a invasão de terrenos ociosos, seja em grupos que se organizam politicamente ou em atos isolados.

Mas há iniciativas governamentais e populares que amenizam o problema da falta de condições de vida nessas ocupações, com a comunidade se organizando para superar as principias dificuldades e reivindicando ações do poder público. Alguns projetos se tornaram exemplos de solução do problema de moradia, como a organização das comunidades no Complexo Oziel / Monte Cristo, em Campinas, e os projetos de planejamento urbano nas cidades satélites de Brasília.

Tais exemplo não impedem, contudo, a ocorrência de fatos trágicos, como o que aconteceu no dia 14 de fevereiro na cidade de Ananindeua, na região metropolitana de Belém do Pará. Na área, conhecida como Carlos Mariguela, no bairro do Aurá, vivem cerca de 1400 famílias, que ocupam o local há aproximadamente um ano. A polícia foi ao local para cumprir um mandato de reintegração de posse e as imagens de violência divulgadas pela imprensa mostraram a falta de preparo dos poderes executivos e judiciários para tratar a questão.

O conflito revelou a falta de negociação entre o poder municipal e os moradores, a truculência da polícia e o poder da reação violenta da população local que, não querendo perder a esperança de ter um local para morar, resistiu a pedradas à ordem judicial de desocupação e reintegração de posse, que estava sendo executada pela Polícia Militar. A polícia teve de abandonar a área sem cumprir a determinação. A batalha resultou em 82 feridos, sendo 54 policiais militares e 28 moradores. Foram decretadas 21 prisões de sem-tetos, dos quais onze chegaram a ser presos, sendo soltos em seguida após pedido de relaxamento de prisão.

No dia seguinte ao confronto, a Justiça suspendeu o mandato de reintegração por 30 dias, na expectativa de que possa ser negociada a desapropriação da área pelo governo municipal ou estadual ou que os lotes sejam vendidos aos moradores. A coordenação do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), que organiza a ocupação, informou que os moradores irão resistir caso haja nova tentativa de reintegração de posse. Segundo as fontes oficiais, hoje o déficit habitacional no Pará é de 400 mil unidades.

Em apoio à invasão do Movimento Nacional da Luta pela Moradia, Ermínia Maricato veste a camisa do movimento durante o Fórum Social. Foto: Rafael Evangelista

Outro fato que ganhou repercussão na mídia nacional e internacional foi a invasão de um prédio abandonado na cidade de Porto Alegre, durante o 2º Fórum Social Mundial, no começo de fevereiro. Foi um ato político, no qual 300 militantes do Movimento Nacional da Luta pela Moradia (MNLM) ocuparam o prédio Sul América no centro de Porto Alegre. Segundo a coordenação do MNLM, a invasão foi uma forma de protesto contra a forma como são feitas as triagens das pessoas que se candidatam aos programas de habitação da Caixa Econômica Federal e contra a falta de uma programa nacional do Governo Federal para solucionar o problema da moradia popular.

O prédio invadido estava abandonado há alguns anos e era habitado por pombos. Não tinha água, luz, nem banheiros e foi desocupado alguns dias após a invasão. No prédio funcionavam salas empresariais e segundo a assessoria da Caixa Econômica Federal de Porto Alegre, está havendo um processo de negociação junto aos proprietários para a compra dos imóveis.

Em Porto Alegre, a prefeitura dividiu a cidade em 16 regiões e o orçamento participativo de cada uma dessas áreas definiu como prioridade os projetos de habitação. O principal projeto de reurbanização a ser implantado é o “Projeto Integrado Entrada da Cidade”, na região Norte de Porto Alegre, que prevê o beneficiamento de 21 favelas onde vivem cerca de 12 mil pessoas. Na primeira semana de março, ocorreu o processo de licitação para a construção da primeira etapa do projeto.

Maior Ocupação da América Latina

Em Campinas, no ano de 1997, começou a ser organizada aquela que passou a ser conhecida como a maior ocupação da América Latina, no Parque Oziel, às margens da rodovia Santos Dumont, que liga Campinas a Sorocaba. Na época, chegou a se falar em 30 mil famílias ocupando o local. A verdade é que os números foram superestimados pelos movimentos políticos, como forma de pressão e negociação. Até hoje não se sabe ao certo o número de pessoas que vive nessa área de ocupação chamada de Complexo Oziel / Monte Cristo, englobando os bairros Parque Oziel, Jardim Monte Cristo, Jardim do Lago 2 e Gleba B. Mas, com certeza, essa é uma das maiores áreas urbanas invadidas, com cerca de 1 milhão de metros quadrados, onde praticamente se criou uma nova cidade dentro da cidade de Campinas. Essa área invadida tem 116 proprietários, sendo que 9 deles detêm o registro de 75% da área.

O início da ocupação aconteceu quando houve um loteamento da antiga Fazenda Taubaté que foi invadido. Houve grande repercussão, com a situação saindo fora de controle e atraindo pessoas de várias partes do país. A Justiça já ordenou a reintegração de posse da quadra 68 do Jardim Monte Cristo, onde vivem cerca de 100 famílias, mas os moradores se preparam para resistir a uma possível invasão da polícia. Atualmente há uma negociação entre o Poder Público e os moradores, para evitar um confronto numa possível ação de reintegração de posse. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Habitação e a Companhia de Habitação Popular (Cohab) de Campinas, existe um estudo para destinar toda a área do Complexo Oziel / Monte Cristo como “interesse social”, para moradia de famílias de baixa renda.

Segundo Arnaldo Murilo da Silva Pohl, que foi coordenador geral da ocupação até o mês de julho do ano passado, existem três associações de moradores na área. Hoje há escolas, áreas esportivas e saneamento básico. “A nossa segunda luta é batizar os nomes das ruas com os nomes de pessoas ligadas ao movimento, dos companheiros que foram parte atuante da ocupação, como o finado Paraíba”, diz Murilo Pohl. Segundo ele, o que existe não é só um problema de moradia, é a falta de uma política urbana e agrária no Brasil, para evitar o êxodo rural. “O problema é na estrutura política do país, com grupos que detêm a posse da terra para especulação em um país imenso como o nosso”, afirma Murilo Pohl.

O mapa das ruas do Complexo Oziel / Monte Cristo começou a ser desenhado com a divisão do loteamento original, que previa a divisão de grandes lotes. Depois, com a ocupação, muitas ruas foram abertas através da enxada e outros meios, como a passagem constante das pessoas pelo caminho. Hoje, a maioria dos lotes tem o tamanho de 126 metros quadrados.

A Cohab de Campinas começou, em janeiro, a fazer a numeração das casas e a montar um cadastro físico e territorial da área, para identificar os números dos lotes por quadra, área ocupada e situação das áreas públicas e, em seguida, desenvolver um projeto urbanístico. O projeto inclui áreas que deverão ser desocupadas para a instalação de equipamentos públicos, áreas para comércio e serviços.

O trabalho de numeração das casas terminou na primeira semana de março. Foram catalogadas 1470 casas no Jardim Monte Cristo, 1538 casas no Parque Oziel e 290 na Gleba B, totalizando 3290 residências. Segundo a assesoria da Prefeitura de Campinas, o projeto de urbanismo da área já está em andamento. No começo de março, também foi assinado um protocolo de intenções dos moradores, junto a Coab, que está negociando a aquisição dos terrenos com os proprietários.

Também está sendo feito um levantamento topográfico da ocupação e um levantamento do número de habitantes, que deverá estar concluído até o final do ano. Segundo as fontes oficiais da Cohab e da Secretaria Municipal de Habitação da Prefeitura de Campinas, a cidade tem um déficit habitacional de 40 mil casas, com cerca de 160 mil pessoas vivendo irregularmente, em área de risco, favela ou ocupação.

Ocupações Planejadas

No caso de Brasília, quando a cidade foi projetada não se esperava um crescimento populacional tão rápido no, então longínquo, cerrado do Planalto Central brasileiro. Inicialmente a cidade foi projetada para 500 mil habitantes. A atração por novas oportunidades de trabalho, fez com que, já no primeiro ano da construção, em 1960, a população chegasse a 140 mil habitantes. Em 1970 a população havia passado dos 500 mil. Depois de 20 anos da inauguração, várias cidades satélites surgiram ao redor da Capital Federal e a população passou dos 2 milhões de habitantes.

Em 1987, Brasília foi tombada pela Unesco, se tornando a primeira cidade moderna do mundo a ter esse título. Em 1988, havia na cidade 64 áreas de invasão, uma situação irregular para uma cidade tombada como Patrimônio Mundial, que deve ter um plano de preservação do Plano Piloto. Na época o Governo do Distrito Federal criou um projeto de assentamento para remover as pessoas das áreas invadidas. No projeto, em vez de construir as casas como na maioria dos conjuntos habitacionais, foram distribuídos lotes semi-urbanizados, para os moradores construírem suas casas de acordo com as próprias possibilidades financeiras.

O projeto incluía o planejamento das cidades, do espaço urbano, com áreas para escolas, lazer, comércio, centros de saúde e espaço para as ruas asfaltadas, integrando a cidade com o transporte coletivo e até o estudo de impacto ambiental. Surgiram cinco novas cidades com esse projeto, incluindo Samambaia, a primeira a ser construída para erradicar as favelas do Distrito Federal, com o assentamento de 102.829 famílias. Na época, as pessoas ficavam assustadas em mudar para um lugar aonde não existia quase nada, nem iluminação pública, nem abastecimento de água (que era feito com chafariz) e nem asfalto. Hoje as invasões continuam a acontecer nas regiões em Brasília e para assentar os novos moradores, o Governo vem fazendo o adensamento dessas cidades, ocupando os lugares ociosos existentes. Apesar de todo o planejamento, ainda existem várias regiões sem esgoto e sem asfalto.

Esse foi um modelo diferenciado de construção de casas populares, que atraiu o interesse de países como a China e a Venezuela, que procuram exemplos para solucionar problemas de moradia. Em Caracas, capital da Venezuela, a situação é semelhante à de Brasília na década de 80, com muitas ocupações próximas ao centro do poder. Da China, no ano passado, o governo enviou delegações para conhecer alguns projetos e neste mês o governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz, está naquele país para apresentar aos governos de Xangai e Pequim o programa habitacional implantado na região de Brasília. A China possui uma população de 1,3 bilhão de habitantes com graves problemas de moradia.

Apesar desses projetos de habitação, ainda existem invasões e áreas de ocupação em Brasília. A maior área é a Ocupação da Estrutural, com cerca de 4 mil famílias. A outra área fica na Vila Planalto, no Setor das Embaixadas, uma área nobre no coração de Brasília. Essa é uma ocupação histórica, começou com os pioneiros que vieram para construir a cidade. Quando a área foi condenada pela Justiça para a moradia, o Governo cedeu outra área e cerca de 80% dos moradores aceitaram a transferência. O restante resistiu e hoje vivem cerca de 800 pessoas nesse local, que tem pouca infra-estrutura e não tem asfalto.

Governo e Comunidade

Ao analisar as iniciativas governamentais e as formas de pressão popular pelo direito à moradia e a ação dos grupos politicamente organizados, é possível notar as várias faces do problema de habitação no Brasil. De um lado, os projetos de habitação dos governos municipais e estaduais não dão conta da demanda de moradia nos grandes centros urbanos, porque não há uma padronização e um planejamento a longo prazo das iniciativas, que ficam sujeitas a campanhas eleitoreiras e a paralisação de projetos com a mudança de mandatos dos governantes.

Por outro lado, os vários movimentos políticos como o MNLM e o MTST, se mobilizam para pressionar por soluções para o problema, sugerindo, por exemplo, a criação de políticas federais até com a criação de um Ministério da Habitação e de projetos que evitem o êxodo rural. Mas alguns métodos e formas de pressão, como as ocupações fora de controle, também acabam contribuindo para o inchaço das metrópoles, agravando cada vez mais os problemas sociais dos novos ocupantes e prejudicando a infra-estrutura, já deficiente, das populações da periferia, que pagam o terreno e o imposto.

No aspecto urbanístico, o ideal seria a pesquisa, o estudo e o planejamento, para a criação de projetos permanentes, visando às necessidades imediatas da moradia. Estes projetos devem ser renovados permanentemente para acompanhar as mudanças populacionais, tentando tornar as grandes cidades sustentáveis e habitáveis. (GP)

Atualizado em 10/03/2002

http://www.comciencia.br
contato@comciencia.br© 2002
SBPC/Labjor
Brasil
 

 

Anúncios

102 Respostas

  1. скачать видио лесбиянок бесплатно Онлайн порно девушка дает в анал
    Бесплатный просмотр порно онлайн видео. Смотри порно видео онлайн. Порно онлайн видео бесплатно скрытое.

  2. Hi, i read your blog occasionally and i own a similar one and i was just curious if you get a lot of spam feedback? If so how do you stop it, any plugin or anything you can advise? I get so much lately it’s driving me mad so any assistance is very much appreciated.

  3. Thanks for sharing Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl with us keep update bro love your article about Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl .

  4. I like Your Article about Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl Perfect just what I was searching for! .

  5. I like Your Article about Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl Perfect just what I was looking for! .

  6. Even if it received beenless hazardous, it would nonetheless are actually challenging to locate time to meet up with

  7. Extremely great content. I actually basically became aware of ones blog page in addition to desired to help declare of which I’ve seriously liked looking through ones webpage in addition to discussions. Nonetheless I’ll possibly be following ones give in addition to When i wish to help browse ones webpage once again.

  8. Nice helpful information. I am about to join your blog site. Thnx. keep up the good perform

  9. Unquestionably believe that which you said. Your favorite justification seemed to be on the internet the easiest thing to be aware of. I say to you, I certainly get annoyed while people think about worries that they just don’t know about. You managed to hit the nail upon the top and defined out the whole thing without having side-effects , people could take a signal. Will likely be back to get more. Thanks

  10. I appreciate the insightful post. Thanks.

  11. After examining just a few of the blog posts on your web site now, and I really like your method of blogging. I bookmarked it to my bookmark web site list and might be checking back soon. Pls check out my website online as properly and let me know what you think.

  12. I must examine with you here, which isn’t one thing I usually do! I enjoy studying a website that can make individuals think. Additionally, thanks for allowing me to comment!

  13. This really answered my problem, thank you!

  14. I definitely enjoy every little bit of it and I have bookmarked your blog.

  15. Thanks for the great info.

  16. That was clever. I’ll be stopping back.

  17. Awesome job on this post.

  18. This was a great post, thanks for the info.

  19. I was very pleased to find this website. I wanted to thank you for your time for this wonderful post!! I definitely enjoy reading it and I have you bookmarked to check out new stuff you blog post.

  20. I really relate to that post. Thanks for the info.

  21. I was very pleased to find this website. I wanted to thank you for your time for this excellent post!!

  22. Wonderful site you have here but I was curious if you knew of any community forums that cover the same topics talked about in this article? I’d really love to be a part of online community where I can get comments from other experienced people that share the same interest. If you have any suggestions, please let me know. Appreciate it!

  23. I enjoy reading a post that will make people think. Also, thanks for allowing me to comment!

  24. Can I just say what a relief to find someone who actually knows what theyre talking about on the internet.

  25. Can I just say what a relief to find someone who actually knows what theyre talking about on the internet.

  26. It’s hard to find knowledgeable people on this topic, but you sound like you know what you’re talking about! Thanks

  27. Hello! I just would like to give a huge thumbs up for the great info you have here on this post. I will be coming back to your blog for more soon.

  28. I definitely enjoy every little bit of it and I have bookmarked your blog.

  29. Aw, this was a really nice post. In thought I would like to write like this – taking time and precise effort to make an excellent article is very rare…

  30. This really answered the downside, thank you!

  31. You should take part in a contest for one of the best blogs on the web. I will recommend this web site!

  32. Hiya! I simply wish to give an enormous thumbs up for the good info you have here on this post. I might be coming back to your weblog soon.

  33. I really like that. You touched my heart!

  34. I really relate to that post. Thanks for the info.

  35. I’m impressed, I must say.

  36. More people need to read this and understand this aspect of the story. I cant believe you’re not more popular.

  37. you have a great blog here! would you like to make some invite posts on my blog?

  38. You should take part in a contest for one of the best blogs on the web. I will recommend this site!

  39. It is extremely helpful for me. Large thumbs up for this blog post!

  40. Bounjour. I sincerely want to say that what you give us here is really nice sharing so I m going to post https://murilopohl.wordpress.com/about on my Twitter profile so all can have the possibility to enjoy. I was glad when I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, in my google search, and the reason is that at long last I found what I was looking for. My regrds

  41. You should take part in a contest for one of the best blogs on the web. I will recommend this site!

  42. I don’t suppose I’ve never read anything like this before. So nice to see an individual with some unique ideas on this subject. I really thank you for beginning it. This web site is something that’s wanted on the net, someone with a little bit originality.

  43. I really relate to that post. Thanks for the info.

  44. It is extremely useful for me. Massive thumbs up for this weblog post!

  45. I really relate to that post. Thanks for the info.

  46. Thank you for the tips. It helped me a lot.

  47. What you have here it is an interesting article this is the reason why I post a link to you in one of my site your link is here . But first of all I must salute all the visitors. Hello. And now I must say that I have post https://murilopohl.wordpress.com/about on my Twitter profile. And this because at last I found what I was looking for. What you post here is really very good sharing. In the second I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, on my google search I was very happy. Maybe I found something with the same ideea here http://www.xfly.ro, I’m not sure but I thing it was the same. My regrds

  48. Random Google results can occasionally lead to great blogs like this. You’re doing a good job, and we share lots of thoughts.

  49. Thank you new adres go go go http://www.rokettube.tk

  50. This it is an interesting article this is the reason why I post a link to you in one of my site your link is here . But first of all I must say all every one. Hello. And second I must say that I m going to post https://murilopohl.wordpress.com/about on my Hi5 profile. And this because at long last I found what I was looking for. What you post here is really very good post. When I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, in my google search I was very happy. I think I found something like this here http://www.xfly.ro, I’m not sure but I thing it was the same. My regrds

  51. Hello there. I only want to emphasize that what you share here is really very good post so I m thinking to post https://murilopohl.wordpress.com/about/ on my Digg profile so anyone can have the freedom to enjoy. I was happy when I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, in my google search, and i was so becouse finally I found what I was looking for. My regrds

  52. Thanks for offering up this article to readers everywhere. It’s good information with a lot of hutzpah. You pack a great punch with your views.

  53. I appreciate the insightful post. Thanks.

  54. This it is a great article. But first of all I must say all every one. . And now I must say that I will post https://murilopohl.wordpress.com/about on my Facebook profile. I will do this because finally I found what I was looking for. What you post here is really the best post. When I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, on my google search I was very happy. I think I found something like this here http://www.okanaganservices.com, I’m not sure but I thing it was the same. All the best

  55. What’s Happening i am new to this, I stumbled upon this I’ve found It absolutely helpful and it has aided me out loads. I hope to contribute & assist other users like its helped me. Good job.

  56. A great article is as much about writing flair as it is about technicalities, but you have it all. It takes a great writer to have flair and and skill.

  57. I appreciate, cause I found just what I was looking for. You have ended my four day long hunt! God Bless you man. Have a nice day. Bye

  58. Throughout this grand design of things you’ll secure an A for effort and hard work. Where exactly you confused me was first on your specifics. You know, people say, the devil is in the details… And that couldn’t be much more accurate in this article. Having said that, allow me inform you precisely what did do the job. Your authoring is highly powerful which is probably the reason why I am making an effort in order to opine. I do not make it a regular habit of doing that. Secondly, whilst I can see the jumps in logic you make, I am not convinced of just how you seem to connect the ideas which help to make the actual conclusion. For right now I shall subscribe to your position but wish in the near future you actually link the facts much better.

  59. Hi, Neat post. There’s a problem with your web site in internet explorer, would test this… IE still is the market leader and a huge portion of people will miss your great writing due to this problem.

  60. It is really a nice and helpful piece of information. I am glad that you shared this helpful info with us. Please keep us informed like this. Thank you for sharing.

  61. What is here it is an interesting piece of information this is the reason why I post a link to you in one of my site your link is here . But first of all I must salute all every one. Hy. And second I must say that I have post https://murilopohl.wordpress.com/about on my Digg profile. I will do this because finally I found what I was looking for. What you post here is really respectable sharing. In the second I saw this tittle, Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl, on google search I was very glad. I think I found something like this here http://www.toplevel-traduceri.ro/traduceri_rapide_Romana_Chineza_in_Tulcea.html, I’m not sure but I thing it was the same. All the best

  62. hello there and thank you for your info – I have definitely picked up something new from right here. I did however expertise some technical points using this web site, since I experienced to reload the website lots of times previous to I could get it to load correctly. I had been wondering if your hosting is OK? Not that I am complaining, but slow loading instances times will often affect your placement in google and could damage your quality score if advertising and marketing with Adwords. Well I am adding this RSS to my email and can look out for much more of your respective intriguing content. Make sure you update this again very soon..

  63. Great write-up, I am regular visitor of one’s blog, maintain up the excellent operate, and It is going to be a regular visitor for a long time.

  64. Thank you for writing unique and interesting content. This is a very informative article. I concur with a lot of your views in this writing.

  65. Towards the above poster, are you able to much more clearly clarify what you mean? I would like to say that in the sentiment you’ve expressed yourself, it could be somewhat difficult to understand for other individuals. Cheers!

  66. This is a wonderfully written article. You must have done a lot of research in this area. You have made this topic easy to read, interesting and easy to understand.

  67. Now we know who the ssebnile one is here. Great post!

  68. A formidable share, I just given this onto a colleague who was doing somewhat analysis on this. And he the truth is bought me breakfast because I discovered it for him.. smile. So let me reword that: Thnx for the treat! But yeah Thnkx for spending the time to debate this, I really feel strongly about it and love studying extra on this topic. If possible, as you develop into expertise, would you mind updating your blog with more details? It is highly useful for me. Massive thumb up for this weblog submit!

  69. Hello there, You have done an incredible job. I will definitely digg it and personally suggest to my friends. I’m sure they will be benefited from this site.

  70. After examine a number of of the weblog posts on your website now, and I actually like your method of blogging. I bookmarked it to my bookmark website list and will likely be checking again soon. Pls check out my site as nicely and let me know what you think.

  71. Oh my goodness! an amazing article dude. Thank you Nevertheless I’m experiencing problem with ur rss . Don’t know why Unable to subscribe to it. Is there anybody getting similar rss downside? Anybody who knows kindly respond. Thnkx

  72. I’ve been surfing online more than 3 hours today, yet I never found any interesting article like yours. It is pretty worth enough for me. Personally, if all web owners and bloggers made good content as you did, the net will be much more useful than ever before.

  73. Attractive section of content. I just stumbled upon your website and in accession capital to assert that I get in fact enjoyed account your blog posts. Any way I will be subscribing to your augment and even I achievement you access consistently fast.

  74. Thankyou for helping out, wonderful information.

  75. I can’t believe I was lucky enough to find this article. I love this kind of content because it gives a lot of great information.

  76. dating site like plentyoffish…

    here are some links to sites that we link to because we think they are worth visiting…

  77. I would be interested in more content like this from you. I think a lot like you on this subject and your perspective is interesting. Will there be more soon?

  78. magnificent post, very informative. I wonder why the other experts of this sector do not notice this. You must continue your writing. I’m confident, you’ve a great readers’ base already!

  79. Heya i am for the first time here. I came across this board and I find It truly useful & it helped me out a lot. I hope to give something back and aid others like you aided me.

  80. This really answered my drawback, thanks!

  81. Hiya! Quick question that’s entirely off topic. Do you know how to make your site mobile friendly? My site looks weird when viewing from my iphone. I’m trying to find a theme or plugin that might be able to fix this issue. If you have any recommendations, please share. Cheers!

  82. Hello! cedadfd interesting cedadfd site! I’m really like it! Very, very cedadfd good!

  83. I really delighted to find this website on bing, just what I was searching for : D as well saved to favorites .

  84. Thanks so much for providing individuals with an extraordinarily superb opportunity to read critical reviews from this blog. It really is very superb and as well , packed with fun for me personally and my office friends to search your web site not less than three times every week to read the fresh guidance you will have. And indeed, I’m always motivated considering the breathtaking creative ideas you give. Selected two facts in this post are absolutely the very best we have ever had.

  85. Hi would you mind sharing which blog platform you’re working with? I’m going to start my own blog in the near future but I’m having a difficult time deciding between BlogEngine/Wordpress/B2evolution and Drupal. The reason I ask is because your design seems different then most blogs and I’m looking for something completely unique. P.S My apologies for getting off-topic but I had to ask!

  86. Good tip. I did it and it worked. Thanks.

  87. Hmm it seems like your blog ate my first comment (it was super long) so I guess I’ll just sum it up what I had written and say, I’m thoroughly enjoying your blog. I too am an aspiring blog writer but I’m still new to the whole thing. Do you have any tips and hints for beginner blog writers? I’d certainly appreciate it.

  88. Great story over again! Thank you=)

  89. Can I just say what a reduction to find someone who truly is aware of what theyre speaking about on the internet. You definitely know easy methods to convey an issue to gentle and make it important. More folks have to read this and understand this facet of the story. I cant believe youre not more common since you undoubtedly have the gift.

  90. As far as me being a member here, I wasn’t aware that I was a member for any days, actually. When the article was published I received a notification, so that I could participate in the discussion of the post, That would explain me stumbuling upon this post. But we’re certainly all members in the world of ideas.

  91. I think that talking about that is good idea.

  92. Eu tenho que admitir que estou completamente de acordo com você. ! Bom blog! Se você quiser mudar seu cabelo, testar o meu weblog, possivelmente você vai encontrar alguns conceitos , principalmente os tipos de cabelo de comprimento médio para cabelos finos 🙂

  93. Thanks for the marvelous posting! I actually enjoyed reading it, you will be a great author.I will make certain to bookmark your blog and may come back later on. I want to encourage that you continue your great work, have a nice holiday weekend!

  94. My hubby and I arrived here simply because this certain webpage had been tweeted by a woman I had been following and am pleased I made it here.

  95. I was studying some of your articles on this internet site and I believe this site is real instructive! Continue posting .

  96. Wow, incredible blog layout! How long have you been blogging for? you made blogging look easy. The overall look of your website is excellent, let alone the content!. Thanks For Your article about Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl .

  97. Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohl I was suggested this blog by my cousin. I’m not sure whether this post is written by him as nobody else know such detailed about my problem. You’re amazing! Thanks! your article about Bem vindo ao nosso. Outro mundo é possível. Blog do murilopohlBest Regards Shane

  98. Wonderful blog! I found it while surfing around on Yahoo News. Do you have any tips on how to get listed in Yahoo News? I’ve been trying for a while but I never seem to get there! Thanks

  99. Perfect work you have done, this website is really cool with fantastic information.

  100. There is noticeably a bundle to know about this. I assume you produced certain nice points in attributes also

  101. {Juѕt|Jυst|Jυѕt} read {tһіs|tһis|tһiѕ|tһіѕ|thіs|thіѕ} ……

    Regaгԁѕ fоr thiѕ marvellous post, I аm glad I found tһis site оn yahoo….

  102. I really like and appreciate your blog post. Cool.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: