Noroeste Paulista: PT decise expulsar militante e Vereadora no tercerceiro mandato consecutivo em Jales.

É triste a informação publicada no blog do Cardosinho.

Vários foram as oportunidades, até hoje, em que divergi e não concordei com as posições explicitadas pela Vereadora Tatinha. De forma alguma se pode afirmar uma afinidade constante entre minha forma de ver as coisas e a forma de ver e sentir da Vereadora.

Em relação ao Cardosinho não posso dizer o mesmo. Sempre tivemos maior proximidade e afinidade. Embora formem um casal unido, cada um dos dois mantém tambem, visões e posturas batante diversas. Não conheço a intimidade do casal, mas sempre admirei este respeito entre eles, esta construção plural, cheia da tolerância. Exemplo vivo da diversidade, cuja ausência, hoje, tantos males traz a nossa sociedade.

No Partido dos Trabalhadores é bastante comum a divergência, a diversidade de olhares, e tambem de cunho ideológico. Reunem-se no PT, Stalinistas, Trotkistas, Socialistas, Sociais Democratadas, Sociais Desenvolvimentistas, e outros. Constantemente estas tendências debatem intensa e vigorosamente até que se controi um olhar majoritário, pelo convencimento ou pelo voto. Esta é uma das características fundantes do PT e esta diversidade é uma das maiores riquezas do Partido.

Quando conheci Tatinha e Cardosinho ela era a única voz do PT na Câmara. O Legislativo tinha uma composição majoritária muito conservadora e alinhada com os interesses da “elite” de Jales. Perseguida que foi por expressar as posições que o Partido construia coletivamente em suas reuniões semanais, Tatinha travou o bom combate. Cardosinho sempre esteve presente como militante contribuindo para o fortalecimento do PT de Jales.

Internamente ao PT pretendo debater, defender um ponto de vista que expressa a divergência em relação a esta decisão. Não concordo com ela. Dado que a decisão é pública expresso aqui minha discordância com os rumos que se está seguindo. É o meu partido, é a minha Direção Estadual eleita democráticamente. Mas não concordo e vou para este debate interno. Hoje entendo que, mais uma vez, o PT de Jales se apequena. Expulsaram os denunciantes, já quanto à infidelidade comprovada…por enquanto nada. A luta continua, precisamos inaugurar um novo período no PT. Veja a matéria publicada no blog do cardosinho.

O diretório estadual do PT reuniu-se no sábado, em São Paulo, e segundo minhas fontes, decidiu expulsar a vereadora Tatinha e este aprendiz de blogueiro de seus quadros. Bom, pelo menos fomos expulsos em boa companhia: na mesma reunião, meus quase ex-companheiros deram cartão vermelho também ao vereador Leozildo Barros, de Franco da Rocha(SP), que, no início deste mês, matou outro vereador durante uma romaria. O vereador morto era do PV. E dizem que o desentendimento foi por causa de mulher. Menos mal!

Voltando ao nosso caso – meu e da vereadora Tatinha – pelo que fiquei sabendo estamos sendo acusados de “fazer o jogo do PSDB” e também de estarmos desconstruindo a imagem do PT na região. Era só o que nos faltava:  viramos tucanos! O prédio da foto lá de cima, com a propaganda da tucana Analice Fernandes, é onde fica a vivenda do casal Parini, mas eu e a vereadora é que estamos fazendo o jogo do PSDB.

A notíca na íntegra voce pode ler clicando aqui >>>PT DECIDE EXPULSAR VEREADORA TATINHA E APRENDIZ DE BLOGUEIRO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: