PT diz que entrará com ações contra empresário citado em jornal

O presidente do PT, José Eduardo Dutra, disse nesta quinta-feira que o partido entrará com...

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente do PT, José Eduardo Dutra, disse nesta quinta-feira que o partido entrará com três ações motivadas por declarações do empresário Rubnei Quícoli ao jornal Folha de S.Paulo, cuja publicação de denúncias resultou na demissão da ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra.

Dutra disse que, na primeira ação, o PT vai pedir à Polícia Federal a abertura de um inquérito para apurar as denúncias feitas pelo empresário de que o dinheiro supostamente pedido como propina para liberar empréstimo no Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) iria para a campanha da candidata à Presidência pelo partido, Dilma Rousseff (PT).

“Ele (o empresário) está dizendo que essa cobrança de propina seria para financiamento de campanha. Nós temos absoluta convicção de que isso não existe”, disse Dutra a jornalistas.

O líder petista afirmou ainda que o partido entrará com representação criminal na Justiça Federal de São Paulo e no Ministério Público de São Paulo para apurar se houve calúnia e difamação por conta desse empresário, forjando o envolimento do PT e da campanha de Dilma no esquema.

Para Dutra, as afirmações do empresário tentam fazer uma ligação entre as denúncias de tráfico de influência na Casa Civil e a campanha presidencial de Dilma.

O presidente do PT destacou que o empresário não teria como provar suas declarações, o que foi considerado como elemento suficiente para mover as ações judiciais.

“Portanto, nós não admitimos que ninguém, e principalmente um cidadão com essa folha corrida, venha a fazer essa tentativa de forjar a participação da campanha ou do PT.”

Depois da revista Veja noticiar um suposto esquema de lobby para beneficiar empresas interessadas em contratos com o governo em troca de pagamento que seria comandado por Israel Guerra, filho de Erenice, reportagem do jornal Folha de S.Paulo desta quinta-feira trouxe novas acusações.

Finalmente, Dutra informou que o PT também entrará com uma acão cível indenizatória que será proposta pelo partido em Brasília.

Com relacão à arrecadação de recursos para a campanha da petista, Dutra disse que o PT tem seu próprio tesoureiro, referindo-se a José Fillipi. De acordo com ele, Fillipi o único autorizado a arrecadar dinheiro.

Sobre o ex-diretor de Operações dos Correios Marco Antônio Oliveira, também citado no esquema, Dutra disse que se ficar provado que ele procurou alguém, com qualquer pretexto para dizer que estava arrecadando dinheiro para a campanha, também será processado.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Fonte: Portal Yahoo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: